Mundial de Vôlei de Praia – Dias 7 e 8

Brasil fica muito abaixo do esperado e já faz pior campanha em anos.

Masculino

Na primeira rodada do mata-mata, a dupla cabeça 1 do mundial, Álvaro e Saymon caíram por 21-17 21-18 para is holandeses Christiaan Varenhorst/Maarten van Garderen. Já os campeões olímpicos e mundiais Alison e Bruno Schmidt venceram por 21-15 21-7 os letões Edgars Tocs/Rihards Finsters. Também venceram Evandro/André por 21-13 21-18 os letões Martins Plavins/Haralds Regza e Pedro Solberg/Guto por 21-23 21-16 17-15 os austríacos Martin Ermacora/Moritz Pristauz.

Já nas 8as nesta sexta-feira, duas duras derrotas. Alison/Bruno caíram para os surpreendentes canadenses Ben Saxton/Chaim Schalk por 21-19 19-21 15-13 e Pedro Solberg/Guto perderam 21-19 17-21 15-13 para os espanhóis Herrera/Gavira. Já Evandro/André venceram por 24-22 21-19 os letões Smedins/Samoilovs.

Feminino

Captura de Tela 2017-08-05 às 08.07.44

Ludwig e Walkenhorst (GER)

Nas 8as, Maria Elisa/Carol venceram Elize Maia/Taiana 21-9 21-19. Larissa/Talita derrotaram as suíças Joana Heidrich/Anouk Vergé-Dépré por 21-19 21-16. Nas 4as, mais um confronto brasileiro e Larissa/Talita vencera Maria Elisa/Carol por 21-17 21-17. Também na sexta já rolou a semifinal e as brasileiras enfrentaram as alemãs campeãs olímpicas Laura Ludwig/Kira Walkenhorst e perderam por 21-19 21-16.

As alemãs fazem final neste sábado contra as americanas April Ross/Lauren Fendrick, que derrotaram na semifinal de virada as canadenses Sarah Pavan/Melissa Humana-Paredes por 19-21 21-16 15-11. Ross já foi campeã mundial em 2009, jogando com Jennifer Kessy.

Anúncios

Mundial de Vôlei de Praia – Dias 3 e 4

Os brasileiros seguiram praticamente invictos e as primeiras duplas começam a se classificar.

Masculino

Captura de Tela 2017-07-31 às 23.32.53

Álvaro Filho

Entre os homens, as 4 duplas com 2 vitórias em 2 jogos. Álvaro/Saymon, duplas cabeça 1, venceu os austríacos Kunert/Dressler por 21-17 21-17 no Grupo A. No D, Evandro/André venceram os cubanos Quesada/Piña por 21-17 21-19. Os atuais campeões olímpicos e mundiais Alison/Bruno Schmidt passaram com 21-19 21-19 pelos letões Plavins/Regza. Pedro Solberg/Guto venceram austríacos Seidl/Winter por 21-19 21-14 no H.

No Grupo B, o brasileiro Jefferson e Cherif, que jogam pelo Qatar, venceram seus dois jogos, assim como os letões Smedins/Samoilovs. Duas vitórias também no C pros americanos Dalhausser/Lucena, pros italianos vice olímpicos Nicolai/Lupo no K e outras 13 duplas. A 1ª fase nos dois torneio termina nesta terça.

Feminino

Cabeças 1 Larissa/Talita venceram no domingo 21-15 21-9 as americanas Day/Branagh e já estão classificadas pra próxima rodada com 2 vitórias. Ainda tem um jogo. Ágatha/Duda venceram facilmente as quenianas Gaudencia/Too por 21-5 21-7 e também já avançaram com um jogo restante. Pelo Grupo H, que tem duas duplas brasileiras, Elize Maia/Taiana venceram moçambicanas Manhica/Muianga por 21-5 21-6 e passam em 1º no grupo com 3 vitórias. Já a atual campeã mundial Bárbara e Fernanda Berti perderam nesta segunda para as suíças Heidrich/Vergé-Dépré por 23-21 21-19. Com apenas 1 vitórias em 3 jogos, ficaram em 3º no grupo. Elas podem se classificar como as 4 melhores terceiras colocadas ou disputam um play-off. No Grupo I, Maria Elisa/Carol venceram 18-21 21-16 15-8 americanas Hughes/Claes e ficam em 1º lugar com 3 vitórias.

Pelo Grupo D, as alemãs campeãs olímpicas Ludwig/Walkenhorst venceram seus 3 jogos para avançar em 1º no grupo que contou com 3 duplas alemãs. Pelo F, as checas Hermannová/Sluková venceram o gruypo com 3 vitórias sem perder sets, assim como as canadenses Pavan/Humana-Paredes no Grupo G. Também venceram seus grupos e avançaram: as suíças Betschart/Hüberli no J, as americanas Ross/Fendrick no K e as checas Kolocová/Kvapilová no L.

 

Mundial de Vôlei de Praia – Dias 1 e 2

São 9 duplas brasileiras nas areias de Viena para o Mundial de vôlei de praia, em sua 11ª edição. São 4 duplas no masculino e 5 no feminino. A grande ausência é da tricampeã mundial e olímpica Kerri Walsh, que se lesionou na última etapa na Polônia.

Mundial não tem qualificatória e para se classificar apenas pelo ranking mundial ou pelos qualificatórios continentais. Por isso, há muitas duplas bem fracas e que não disputam o circuito.

Masculino

Captura de Tela 2017-07-29 às 18.31.39

Bruno Schmidt

As 4 duplas brasileiras venceram na estreia. A maior vitória veio com Evandro/André de virada sobre os holandeses Varenhorst/Van Garderen. Os holandeses venceram o 1º set e chegaram ao match point no 2º, quando tudo começou a dar certo pros brasileiros, que viraram com 20-22 23-21 15-7 para vencer a 1ª no Grupo D. Atuais campeões mundiais e olímpicos, Alison/Bruno Schmidt passearam na estreia contra a dupla moçambicana de Nguvo/Tovela por 21-13 21-13 pelo Grupo E.

Melhor dupla nesta temporada, Álvaro/Saymon passaram sem dificuldades por Williams/Phillip de Trinidad & Tobago com 21-11 21-11 no Grupo A. Pelo Grupo H, Pedro Solberg/Guto venceram os sul-africanos Naidoo/Williams por 21-13 21-15.

Nos outros jogos, Dalhausser/Lucena venceram Doherty/Hyden 17-21 21-18 16-14 no duelo entre americanos pelo Grupo C. No J, os holandeses Brouwer/Meeuwsen venceram 21-15 22-20 os uruguaios Vieyto/Cairus. No K, os italianos vice olímpicos Nicolai/Lupo jantaram Lombi/Kamara de Serra Leoa por 21-7 21-8 e no L, a maior esperança austríaca Doppler/Horst fez 21-19 21-15 nos iranianos Raoufi/Salemi.

Feminino

Captura de Tela 2017-07-29 às 18.30.00

Talita Antunes

Em 8 jogos já disputados pelas duplas brasileiras, 7 vitórias. A única derrota ocorreu num duelo brasileiro pelo Grupo H. Elize Maia/Taiana venceram por 10-21 21-16 17-15 a atual campeã mundial e vice olímpica Bárbara, que agora joga com Fernanda Berti. Na 2ª rodada, Bárbara/Fernanda venceram por incrivelmente fáceis 21-4 21-6 as moçambicanas Manhica/Muianga e Elize Maia/Taiana sofreram com 26-24 11-21 15-10 sobre as boas suíças Heidrich/Vergé-Dépré.

Favoritas ao título, Larissa/Talita também precisaram de um tiebreak na estreia, vencendo as austríacas Strauss/Holzer por 21-11 19-21 15-8 pelo Grupo A. No C, Ágatha/Duda passearam nas quenianas Gaudencia/Too com 21-7 21-8. No Grupo I, Maria Elisa/Carol nem jogaram contra dupla de Ruanda, vencendo por W.O. na sexta e neste sábado fizeram 21-14 21-5 nas canadenses Pischke/Broder.

O Grupo D tem três duplas alemãs, incluindo as campeãs olímpicas Ludwig/Walkenhorst, que venceram seus dois jogos já disputados: 21-10 21-12 em marroquinas Mahassine/Zeroual e 17-21 21-15 15-12 sobre compatriotas Glenzke/Grossner. As americanas Summer/Sweat venceram 21-15 21-14 as austríacas Rimser/Plesiutschnig no Grupo E. Canadenses Pavan/Humana-Paredes, que vem de uma ótima temporada, estrearam com 21-13 23-21 sobre holandesas Flier/van Iersel no G.

Mundial de Vôlei de Praia – Dia 9

E o Brasil fez história neste sábado com um pódio completo no feminino!

Captura de Tela 2015-07-04 às 23.03.45

Agatha e Bárbara. Foto: FIVB

Num jogo extremamente disputado, com a liderança se alternado sempre e longos e emocionantes ralis, Ágatha e Bárbara venceram Taiana e Fernanda Berti por 21-18 22-20 e confirmaram o 5º título mundial brasileiro no feminino! Na disputa do bronze, Juliana e Maria Elisa venceram as alemãs Katrin Holtwick/Ilka Semmler por 23-25 21-18 15-9 para fechar pela 1ª vez na história do Mundial um pódio completo pro mesmo país.

Captura de Tela 2015-07-04 às 23.04.04

Foto: FIVB

Que o Brasil domina o esporte, não é dúvida para ninguém, mas difícil um domínio tão forte como as mulheres tem feito este ano! Em 8 torneios na temporada no feminino, foram 6 ouros, 3 pratas e 3 bronzes, sendo 6 vitórias seguidas, conforme abaixo. Em 10 Mundiais disputados, o Brasil tem no feminino 5 ouros, 5 pratas e 5 bronzes.

Captura de Tela 2015-07-04 às 23.01.51

A disputa pelas duas vagas olímpicas pro Rio-2016 deve ser muito disputada, mesmo. São 4 duplas muito fortes, que já venceram títulos este ano ou no ano passado. Difícil prever, mas eu acredito em Larissa/Talita e Barbara/Agatha.

Nas semifinais masculinas, Alison e Bruno Schmidt venceram tranquilamente os americanos Lucena/Brunner por 21-17 21-15 e chegaram à final. Já Evandro e Pedro Solberg fizeram um duro jogo contra os holandeses Nummerdor/Varenhorst, mas não foi o suficiente para ir contra uma torcida de 5.500 holandeses e perderam por 21-18 21-23 15-12. Se der Brasil, será o 6º título mundial brasileiro. Se der Holanda, será o 2º seguido.

Mundial de Vôlei de Praia – Dia 8

Foram apenas dois jogos, mas foram DOIS jogos! As semifinais femininas com 3 duplas brasileiras, definindo a final.

Captura de Tela 2015-07-04 às 01.25.54

Taiana e Fernanda Berti celebram a vaga na final. Foto: FIVB

Em Haia, no primeiro jogo, Taiana e Fernanda Berti enfrentaram as alemãs Katrin Holtwick e Ilka Semmler. Foi o 3º confronto entre as duas duplas, sendo que elas fizeram a final do torneio na mesma cidade ano passado, vencido pelas brasileiras. Nesta sexta, as brasileiras passearam e venceram com facilidade pelo placar de 21-12 21-15 não dando chances às alemãs, que não tinham perdido nenhum set até então no Mundial!

Com a vitória, a final brasileira foi formada, repetindo o que ocorreu no Mundial de 2001 no feminino e no de 2011 no masculino. Com o ouro garantido, o Brasil passa a frente com 5 ouros em Mundiais contra 4 dos EUA!

Bárbara atacando no bloqueio de Juliana. Foto: FIVB

Na outra semifinal, um grande jogo, muitíssimo disputado! Bárbara e Ágatha venceram Maria Elisa e Juliana por 24-22 21-19. O jogo foi muito disputado, com grandes ralis, mas com um ace no último ponto, vitória de Bárbara e Ágatha. Será a 2ª medalha de Bárbara Seixas em Mundiais, depois do bronze em 2013 ao lado de Lili. Juliana briga pelo bronze e pela sua 5ª medalha em Mundiais!

Mundial de Vôlei de Praia – Dia 7

Num dia de duas rodadas, com as oitavas e as quartas no masculino e no feminino, as duplas brasileiras deram show e são presença maciça nas semifinais, já garantindo três medalhas!

Masculino

Captura de Tela 2015-07-02 às 23.27.00

Alison atacando na semifinal sobre Gibb. Foto: FIVB

A única dupla a perder nas 8as foi a dos campeões olímpicos Emanuel e Ricardo, que perderam por 18-21 21-18 15-11 para os americanos Lucena/Brenner. Logo depois, Alison/Bruno venceram 21-15 21-17 os australianos Kapa/McHugh. Álvaro Filho/Vítor venceram os mexicanos Virgen/Ontiveros num jogo duro por 21-19 19-21 20-18. Com a vitória de Evandro/Pedro Solberg sobre os cubanos Gonzalez/Nivaldo por 21-19 19-21 15-11, um duelo brasileiro nas 4as foi marcado.

Captura de Tela 2015-07-02 às 23.28.03

Evandro e Pedro Solberg estão na semifinal. Foto: FIVB

Nas quartas, Alison e Bruno novamente venceram, passando pelos fortes americano Gibb/Patterson de maneira surpreendente por 21-12 21-17 e se garantiram na semifinal para enfrentar os americanos Lucena/Brenner, que eliminaram a dupla do Qatar, que contava com o brasileiro Jefferson Pereira.

No duelo brasileiro nas 4as, Evandro/Pedro Solberg venceram Álvaro Filho/Vítor por 21-14 14-21 15-8 e se garantiram na semi para pegar os donos da casa Nummerdor/Varenhorst.

Feminino

Captura de Tela 2015-07-02 às 23.28.42

Maria Elisa defendendo nas quartas. Foto: FIVB

O jogo do dia no feminino foi entre Juliana/Maria Elisa e Talita/Larissa. A 2ª dupla chegava com leve favoritismo pela ótima sequência de vitórias recentes. Foi um jogo extremamente disputado, mas quem venceu foi Juliana/Maria Elisa de virada por 19-21 21-18 15-13.

Captura de Tela 2015-07-02 às 23.29.02

Bárbara e Ágatha estão na semi

Taiana/Fernanda Berti jogaram para vencer as espanholas Liliana/Baquerizo por 21-17 21-19. Bárbara e Ágatha venceram tranquilamente as canadenses Humana-Paredes/Pischke por 21-15 21-14. Grande surpresa foi a vitória das chinesas Wang/Yue, que venceram Ross/Walsh por 21-19 17-21 15-13.

Nas quartas, Taiana/Fernanda Berti passaram pelas australianas Bawden/Clancy por 15-21 21-16 18-16 e vão enfrentar na semi as alemãs Holtwick/Semmler, as estrangeiras intrusas na semifinal.

Bárbara/Ágatha venceram as chinesas eliminadoras de americanas por 21-18 23-21 e vão pegar na final Juliana/Maria Elisa, que passaram com 25-23 21-18 pelas canadenses Bansley/Pavan, que fazem ótima temporada.

Nesta sexta-feira, apenas as semifinais femininas a tarde. Lembrando que no Mundial de 2009 também tivemos 3 duplas brasileiras na semifinal feminina, mas quem ficou com o ouro foram as americanas Ross/Kessy. O Brasil já tem 24 medalhas em 9 Mundiais já disputados e já garantiu pelo menos mais 3!

Mundial de Vôlei de Praia – Dia 6

Na primeira rodada da fase eliminatória, um dia absolutamente perfeito pro Brasil! As 8 duplas venceram seus jogos e estão nas oitavas de final!

Feminino

O dia começou em Haia com Taiana e Fernanda Berti vencendo as venezuelanas Pazo/Agudo por tranquilos 21-12 21-14. Depois em Apeldoorn, foi a vez de Bárbara e Ágatha vencerem as canadenses Broder/Valjas por 14-21 21-16 15-7.

Captura de Tela 2015-07-02 às 00.08.51

Talita e Larissa. Foto: FIVB

Mas o negócio vai pegar em Amsterdã. Juliana e Maria Elisa, única dupla das 4 femininas que havia perdido um jogo na primeira fase, venceu de virada as suíças Goricanec/Hüberli por 18-21 21-18 15-9. No jogo seguinte, a 4ª vitória veio com Larissa e Talita sobre as australianas Artacho/Laird por 21-18 21-17. Com isso, essas duplas se enfrentarão nas 8as nesta quinta-feira! Será o duelo das ex-parceiras Juliana e Larissa e só uma estará nas quartas-de-final.

Nos outros jogos, surpresa a derrota das americanas Day/Kessy para as chinesas Wang/Yue por 21-19 21-18.

Masculino

Captura de Tela 2015-07-02 às 00.10.38

Vitor Felipe e Álvaro Filho. Foto: FIVB

Evandro e Pedro Solberg fora os únicos brasileiros a subirem no pódio esse ano no circuito mundial. Depois de decepcionarem na 1ª fase somando 2 derrotas, obtiveram uma excelente vitória com 21-15 21-23 15-13 sobre a forte dupla polonesa de Fjalek/Prudel. Bela vitória em Roterdã. A segunda belíssima vitória brasileira no dia foi na mesma cidade com Álvaro Filho e Vítor. Eles também haviam perdido dois jogos na 1ª fase e pegaram os cabeças 1 e atuais campeões mundiais! Mas conseguiram segurar Brouwer e Meeuwsen e vencer por 21-19 25-23

Captura de Tela 2015-07-02 às 00.12.42

Alison no bloqueio

Alison e Bruno Schmidt não tiveram dificuldade para passar pelos franceses Krou/Rowlandson e avançar com 21-17 21-14, aproveitando um pedido médico da dupla francesa. Já os veteranos e campeões olímpicos Emanuel e Ricardo também venceram bem os poloneses Kadziola/Szalankiewicz por 21-13 23-21.

Grande vitória da dupla do Qatar que conta com o brasileiro naturalizado Jefferson Pereira. Ele e Cherif passaram com 21-18 21-14 pelos americanos Doherty/Mayer, que estavam invictos. Os italianos Nicolai/Lupo e os letões Samoilovs/Plavins também foram embora do Mundial.

Na próxima rodada, 3 duplas tem jogos relativamente tranquilos, enquanto Emanuel e Ricardo pegam fortes americanos Lucena/Brenner.