Australian Open – Dia 1

O 1º dia de disputas do 1º Grand Slam do ano foi marcado pelo péssimo dia dos americanos.

Dos 15 americanos que entraram em quadra (10 mulheres e 5 homens), apenas 3 venceram! Nicole Gibbs foi a única sobrevivente entre as mulheres após vencer por 61 61 a lucky loser búlgara Viktoriya Tomova e, entre os homens, apenas o qualifier Mackenzie McDonald (64 63 46 61 no sueco Elias Ymer) e Ryan Harrison (63 57 36 75 62 no israelense Dudi Sela) venceram. Entre os perdedores, 5 cabeças de chave: Venus Williams (perdeu 63 75 para a suíça Belinda Bencic), Sloane Stephens (perdeu 26 76(2) 62 para a chinesa Shuai Zhang), Coco Vandeweghe (perdeu 76(4) 62 para a húngara Timea Babos), John Isner (64 36 63 63 para o australiano Matthew Ebden) e Jack Sock (61 76(4) 57 63 para o japonês Yuichi Sugita).

2245670-46812190-2560-1440

Grigor Dimitrov (BUL)

Em compensação, Rafael Nadal nem suou contra o dominicano Victor Estrella Burgos, vencendo por 61 61 61 em 1h34min. O croata Marin Cilic passou pelo canadense Vasek Pospisil com 62 62 46 76(5) e o búlgaro cabeça de chave 3 Grigor Dimitrov derrotou o austríaco Dennis Novak por fáceis 63 62 61. Único brasileiro na chave masculina, Rogério Dutra Silva perdeu de 61 62 64 para o polêmico australiano Nick Kyrgios. Também avançaram o espanhol Pablo Carreño Busta (75 46 75 61 no australiano Jason Kubler) e Jo-Wilfried Tsonga (64 64 61 no americano Kevin King).

Entre as mulheres, Elina Svitolina passou por 63 62 pela sérvia Ivana Jorovic, Jelena Ostapenko derrotou por 61 64 a italiana Francesca Schiavone e a dinamarquesa Caroline Wozniacki segue em busca de seu 1º título de Grand Slam após vencer por 63 62 a romena Mihaela Buzarnescu. Seguem vivas no torneio também Julia Görges (64 64 na americana Sofia Kenin), Anastasia Pavlyuchenkova (36 64 63 na ucraniana Kateryna Kozlova) e a campeã olímpica Monica Puig (46 76(6) 64 na veterana australiana Samantha Stosur).

US Open – Dia 6

Cabeças 1 Nadal e Pliskova espantam a zebra no complemento da 3ª rodada no sábado.

Masculino

Men's Singles - R3

Rafael Nadal (ESP). Foto: USTA/Garrett Ellwood

Rafael Nadal enfrentou o lucky loser argentino Leonardo Mayer e perdeu o 1º set, mas virou sobre o sul-americano para vencer por 67(3) 63 61 64, chegando pela 9ª vez às 8as do US Open. O espanhol enfrentará o ucraniano Alexander Dolgopolov, que arrasou o sérvio Viktor Troicki por 61 60 64. Aos 19 anos, o russo Andrey Rublev passou pelo bósnio Damir Dzumhur com 64 64 57 64 e chega pela 1ª vez às 8as de um Grand Slam (a 3ª rodada já era novidade para ele). Vai brigar por uma vaga nas 4as com o cabeça, o belga David Goffin, que vencia por 75 51 Gael Monfils, quando o francês abandonou.

Depois de duas partidas suando por 5 sets, Roger Federer não teve problemas com seu freguês Feliciano López, vencendo pela 13ª vez o confronto entre os dois, agora por 63 63 75. O suíço pega o alemão Philipp Kohlschreiber, que passou pelo australiano John Millman com 75 62 64. Fechando a chave de cima, Juan Martin del Potro derrotou o espanhol Roberto Bautista Agut por 63 63 64 e pega o austríaco Dominic Thiem (75 63 64 no francês Adrian Mannarino).

Feminino

Karolina Pliskova também penou contra a chinesa Shuai Zhang, vencendo de virada por 36 75 64. A líder do ranking vai pegar a americana Jennifer Brady num ótimo dia para as tenistas da casa. Brady derrotou a romena Monica Niculescu por 63 46 76(3). Outra americana a vencer foi CoCo Vandeweghe, que eliminou a polonesa Agnieszka Radwanska em 2h56 de jogo por 75 46 64. Ele enfrenta agora por uma vaga nas 4as a checa Lucie Safarova (63 62 na japonesa Kurumi Nara).

Women's Singles - R3

Daria Kasatkina (RUS). Foto: USTA/Brad Penner

A 3ª americana a vencer foi Madison Keys com 26 64 61 na russa Elena Vesnina. A festa da casa só não foi perfeita pois Shelby Rogers perdeu para a cabeça 4 Elina Svitolina por 64 75. A campeã de Roland Garros Jelena Ostapenko abriu com 3-0 o 1º set contra a russa Daria Kasatkina, mas teve um apagão e perdeu 11 games seguidos! A russa venceu por 63 62 e Ostapenko inclusive evitou cumprimentá-la ao final da partida. Kasatkina enfrentará a qualifier estoniana Kaia Kanepi, que venceu por 63 26 75 a japonesa Naomi Osaka.

Duplas

Nas mistas, Bruno Soares e a húngara Timea Babos venceram 62 62 na estreia os americano Sofia Kenin e Michael Mmoh. Nas duplas masculinas, os quadrifinalistas em RG Rogério Dutra Silva e o italiano Paolo Lorenzi perderam na 2ª rodada por 67(1) 64 63 para Nicholas Monroe/John-Patrick Smith. Mas o assunto do dia foi a desclassificação do italiano Fabio Fognini. Na sua derrota em simples na 1ª rodada, Fognini xingou em italiano a juíza e, alguns dias depois, a organização o retirou do torneio e estuda até um banimento pra sempre. Com isso, Monroe/Smith já se garantem diretamente nas 4as sem jogar.

US Open – Dia 4

E segue o martírio dos favoritos numa edição atípica do US Open.

Masculino

Men's Singles - R2

Roger Federer (SUI). Foto: USTA/Garrett Ellwood

Roger Federer mais uma vez teve que suar para avançar. Depois de penar na estreia contra o adolescente americano Francis Tiafoe, agora teve que virar sobre o russo Mikhail Youzhny para vencer com 61 67(3) 46 64 62. Dominic Thiem venceu o convidado americano Taylor Fritz por 64 64 46 75 e Juan Martin del Potro avançou com 62 63 76(3) sobre o qualifier espanhol Adrián Menendez-Maceiras. O belga David Goffin foi outro que suou para avançar, precisando de 4h20 para venceu o argentino Guido Pella por 36 76(5) 67(2) 76(4) 63. Outro que tomou um susto foi Rafael Nadal, que chegou a estar perdendo por 46 12 uma quebra atrás para vencer o japonês Taro Daniel por 46 63 62 62.

Já o 7º favorito, o búlgaro Grigor Dimitrov, perdeu pro russo Andrey Rublev por 75 76(3) 63 e o 15 cabeça de chave, o checo Tomas Berdych, parou no ucraniano Alexander Dolgopolov por 36 61 76(5) 62.

Feminino

Entre as mulheres, mais 3 favoritas caíram,  inclusive a 8ª cabeça de chave e campeã de 2004, a russa Svetlana Kuznetsova, que perdeu pra japonesa Kurumi Nara por 63 36 63. A número 1 do mundo Karolina Pliskova tomou um susto, mas virou sobre a qualifier americana Nicole Gibbs para vencer com 26 63 64.

Também avançaram Agnieszka Radwanska (75 62 na cazaque Yulia Putintseva), a ucraniana Elina Svitolina (64 64 na russa Evgeniya Rodina) e a letã campeã de Roland Garros Jelena Ostapenko (64 64 na romena Sorana Cirstea). Após 2 rodadas, 16 das 32 cabeças de chave já caíram!

Duplas

Men's Doubles - R1

Bruno Soares e Jamie Murray. Foto: USTA/Mike Lawrence

Bruno Soares e Jamie Murray começaram bem a defesa do título do US Open com 64 76(6) sobre os austríacos Julian Knowle e Alexander Peya (ex-parceiro de Bruno). Já a melhor dupla de 2017, Marcelo Melo e Lukasz Kubot, precisaram de 3 sets para derrotar o argentino Guillermo Duran e o britânico Neal Skupski por 63 36 63.

Rogério Dutra Silva e o italiano Paolo Lorenzi, reeditando a dupla que chegou nas 4as em Roland Garros, obtiveram uma boa vitória na estreia com 64 64 sobre os cabeças 7 Raven Klaasen/Rajeev Ram. Já André Sá e o austríaco Philipp Oswald perderam na estreia 75 36 62 para os convidados americanos Austin Krajicek/Jackson Withrow.

Resumo olímpico da semana

Vôlei de Praia

larissa-e-talita

Larissa e Talita

Larissa e Talita venceram o 3º título da temporada no circuito mundial, agora na cidade polonesa de Olsztyn. Tiveram uma certa dificuldade nas 8as contra as alemãs Borger/Kozuch, vencendo com 15-12 no 3º set. Na semifinal, duelo brasileiro contra Ágatha/Duda e vitória nos detalhes com 21-19 24-22. Na decisão, venceram as canadenses Pavan/Humana-Paredes de virada por duros 20-22, 21-18, 16-14. Ágatha/Duda ficaram com o bronze, com WO das americanas Walsh/Branagh.

No masculino, uma das piores etapas do ano pras duplas brasileiras. 3 das 5 duplas nem passaram da fase de grupos. Pedro Solberg/Guto caíram no playoff e Alison/Bruno Shcmidt ficaram nas 8as perdendo para russos por 21-17 21-18. Agora o foco é o Mundial, que começa nesta sexta-feira.

Atletismo

9399

Pedro Henrique Rodrigues

No Pan Sub20, a equipe brasileira conquistou 9 medalhas na fortíssima competição no Peru, sendo 1 ouro, 3 pratas e 5 bronzes. O único ouro veio no lançamento de dardo, com Pedro Henrique Rodrigues, com 74.58m. Nos 100m masculino, Paulo André de Oliveira foi prata com 10.46 e Felipe Bardi bronze com 10.47. Fabiele Alves com 51.15m no dardo e Gabriel dos Santos com 7,73m no salto em distância foram prata. Outros bronzes: Alencar Pereira (67,14m no martelo), Derick Silva (20.77 nos 200m), Italo Matheus de Araújo (1:49.87 nos 800m) e Jordan Santos (7.036 no decatlo).

O principal destaque do campeonato foi o revezamento 4x400m masculino dos EUA, que venceu com 3:00.33, batendo o recorde mundial Sub20 da prova. Os americanos venceram 24 ouros e 54 medalhas no total.

Outros Esportes

Rogério Dutra Silva chegou nas 4as do ATP250 de Umag, vencendo nas 8as o francês Gael Monfils, 13º do mundo, por 76(5) 46 63, mas perdeu nas 4as para o italiano Alessandro Giannessi por 67(3) 62 75. Ele chegou a sacar em 54 30-0, mas levou a virada. No ATP250 de Bastad, na Suécia, Thomaz Bellucci e André Sá chegaram na semifinal de duplas.

Ygor Coelho perdeu nas 8as do Aberto dos EUA de badminton em Anaheim. Ele venceu duas partidas até perder para o indiano Sameer Verma por 18-21 21-14 21-18.

– No brasileiro de Mountain Bike no ES, vitórias de Luiz Cocuzzi no masculino e de Raiza Goulão no feminino.

Alexandre Rocha não passou no corte de torneio no Nebraska, válido pelo web.com Tour.

– Na Copa do Mundo de triatlo em Tiszaujvaros, na Hungria, no formato sprint com semifinais e finais, Manoel Messias foi 3º na sua semi, mas não terminou a final.

Wimbledon – Dia 3

Vitórias dos favoritos e derrotas dos brasileiros.

Feminino

Embed from Getty Images

Bia Haddad Maia fez um ótimo jogo contra a número 2 do mundo, a romena Simona Halep na Quadra 1, a 2ª maior do complexo. Bia começou bem abrindo logo 3-0, mas deixou Halep empatar. Depois quebrou novamente e chegou a sacar para fechar o 1º set em 5-3, mas a romena venceu 4 games seguidos. No 2º set, games muito disputados, mas com 4-3, Halep quebrou a brasileira de zero e venceu com 75 63. Bia mostrando que tem grande potencial e tudo para encarar as melhores do mundo! Foi uma pena pegar a Halep logo na 2ª rodada. A romena enfrentará a chinesa Shuai Peng (62 62 na espanhola Carla Suárez Navarro).

Também venceram e estão na 3ª rodada: Elina Svitolina (63 60 na italiana Francesca Schiavone), a campeã de Roland Garros Jelena Ostapenko (46 76(4) 63 na canadense Françoise Abanda), Dominika Cibulkova (64 64 na americana Jennifer Brady), Venus Williams (46 64 61 na chinesa Qiang Wang), Johanna Konta (76(4) 46 10-8 na croata Donna Vekic) e Victoria Azarenka (63 63 na russa Elena Vesnina).

Masculino

andy-murray-627444

Andy Murray

Andy Murray segue como favorito e derrotou o alemão/jamaicano Dustin Brown por 63 62 62 para alcançar a 3ª rodada. Terá pela frente o italiano Fabio Fognini (76(3) 64 62 no checo Jiri Vesely). Rafael Nadal foi outro que sobrou ao derrotar o americano Donald Young por 64 62 75. O espanhol pega agora o russo Karen Khachanov, que venceu de virada o brasileiro Thiago Monteiro por 36 76(5) 76(3) 75.

Seguem na disputa pelo título Kei Nishikori (64 67(7) 61 76(6) no ucraniano Sergiy Stakhovsky), Marin Cilic (76(2) 64 75 no alemão Florian Mayer), o britânico Aljaz Bedene (63 36 63 63 no bósnio Damir Dzumhur) e o luxemburguês Gilles Müller (75 67(7) 46 63 97 no checo Lukas Rosol).

Duplas

Marcelo Melo e Lukasz Kubot passearam pelos holandeses Wesley Koolhof e Matwé Middelkoop com 64 60 63 em apenas 1h20min. Já André Sá e o israelense Dudi Sela perderam de virada por 36 36 75 76(5) 63 para Nicholas Monroe/Artem Sitak. Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva também perderam na 1ª rodada, de 62 76(5) 62 para Fabrice Martin/Daniel Nestor.

 

Wimbledon – Dia 1

E começou o 3º Grand Slam do ano com o medo de Andy Murray ficar de fora, mas tudo ficou bem.

Masculino

Embed from Getty Images

O número 1 do mundo e atual campeão Andy Murray deixou os britânicos aflitos, mas entrou em quadra e venceu o desconhecido cazaque, que entrou como lucky loser, Alexander Bublik por 61 64 62. Mas foi outro britânico que chamou atenção. Aljaz Bedene precisou de 4h24min para vencer o rei dos aces Ivo Karlovic. Numa partida com 4 tiebreaks, Bedene só precisou quebrar o saque do croata uma única vez, no último ponto da partida e vencer com 67(5) 76(6) 67(7) 76(7) 86! Foram 44 aces do Karlovic.

Mas a maior zebra foi a derrota de Stan Wawrinka. Finalista de Roland Garros, o suíço perdeu pro russo Daniil Medvedev por 64 36 64 61. Em compensação venceram na estreia: Rafael Nadal (61 63 62 no australiano John Millman), Kei Nishikori (62 62 60 no italiano Marco Cecchinato) e Marin Cilic (64 62 63 no alemão Philipp Kohlschreiber). Thiago Monteiro venceu em sua estreia no Grand Slam inglês de virada com 46 63 76(4) 76(5) sobre o qualifier australiano Andrew Whittington. Já Rogério Dutra Silva perdeu pro francês Benoit Paire por 64 36 76(10) 64.

Feminino

1718445

Bia Haddad Maia. Foto: Toby Mellville

Bia Haddad Maia abriu a quadra 18 derrotando a britânica Laura Robson por 64 62, também em sua estreia em Wimbledon, assim como o namorado Thiago Monteiro. Bia quebrou um jejum de 28 anos e se tornou a 1ª brasileira a vencer na grama sagrada desde Gisele Miró em 1989! Só que ela terá pela frente a cabeça 2, a romena Simona Halep, que venceu a neozeandesa Marina Erakovic por 64 61.

Outras que passaram para a 2ª rodada foram: Dominika Cibulkova (63 36 97 na alemã Andrea Petkovic), a ucraniana Elina Svitolina (75 76(8) na australiana Ashleigh Barty), Venus Williams (76(7) 64 na belga Elise Mertens), a campeã de Roland Garros Jelena Ostapenko (com o bizarro placar de 60 16 63 sobre a bielorrussa Aliaksandra Sasnovich), Johanna Konta (62 62 na taiwanesa Su-wei Hsieh) e a bicampeã Petra Kvitova (63 64 na sueca Johanna Larsson).

Roland Garros – Dia 11

A chuva deu trégua e a rodada de quartas de final terminou.

Masculino

French Open

Dominic Thiem (AUT)

Rafael Nadal nem suou para avançar às semifinais. Isso porque seu compatriota Pablo Carreño Busta abandonou o jogo enquanto Nadal vencia por 62 20. Sempre que o Nadal chegou na semi, ele ficou com o título. O espanhol ainda não perdeu um set em Paris e tem 80 games a favor e apenas 22 contra! Ele enfrentará o austríaco Dominic Thiem, que jogou muito e aproveitou um Novak Djokovic fora de jogo para derrotar o sérvio por 76(5) 63 60, com direito a um pneu no 3º set! O último pneu que o Djoko levou foi em 2016, em Roma, no 1º set contra Thomaz Bellucci, mas depois ele virou o jogo.

Stan Wawrinka passeou pelo croata Marin Cilic, vencendo por 63 63 61 em 1h30 e vai buscar vaga na final contra o número 1 do mundo Andy Murray, que virou o jogo pra cima de Kei Nishikori com 26 61 76(0) 61.

Feminino

French Open

Simona Halep (ROU)

A checa Karolina Pliskova eliminou a última esperança dos donos de casa, eliminando Caroline Garcia por 76(3) 64. Nada mal para quem tinha disputado 5 vezes Roland Garros e vencido apenas 2 partidas! Pliskova enfrentará a romena Simona Halep, que virou para cima da ucraniana Elina Svitolina por 36 76(6) 60. Teremos uma campeã inédita de Grand Slam.

Duplas e Juvenis

Rogério Dutra Silva e o italiano Paolo Lorenzi foram derrotados nas 4as pelo espanhol Fernando Verdasco e pelo sérvio Nenad Zimonjic por 76(5) 75, encerrando um torneio dos sonhos para o brasileiro. Com tantas quedas de favoritos na chave de duplas masculinas, temos nas semifinais apenas uma dupla cabeça de chave, os colombianos Juan Sebastian Cabal/Robert Farah, cabeças 16. Eles pegam Ryan Harrison/Michael Venus enquanto Verdasco/Zimonjic enfrentarão Santiago González/Donald Young.

Nas duplas femininas, as cabeças 1 Bethanie Mattek-Sands/Lucie Safarova enfrentam Chan Yung-jan/Martina Hingis e as australianas Ashleigh Barty/Casey Dellacqua pegam as checas Lucie Hradecka/Katerina Siniakova.

Nas mistas, a alemã Anna-Lena Groenefeld e o colombiano Robert Farah enfrentam na final nesta quinta a canadense Gabriela Dabrowski e o indiano Rohan Bopanna. Apenas Groenefeld já venceu título de Grand Slam, dois de duplas mistas.

Thiago Wild surpreendeu mais uma vez na chave juvenil ao derrotar o austríaco Jurij Rodionov por 36 76(8) 64 e atingir as 4as de final. Nas duplas femininas, Thais Pedretti e a colombiana María Camila Serrano venceram 64 61 a taiwanesa Liang En-shou e a chinesa Wang Xinyu e também estão nas 4as.