Troféu José Finkel – Dia 1

Única seletiva para o Mundial de Piscina Curta, que será em dezembro, na China, começou nesta sexta o Troféu José Finkel, na piscina do Clube Pinheiros, em São Paulo. Serão selecionados pelo menos 20 atletas para o Mundial. Os índices são fortíssimos, equivalente ao 3º tempo para pegar final no último Mundial, em 2017. Quem fizer índice (só vale se for obtido na Final A) se garante na equipe. Caso não completem 20 atletas, irão os melhores índices técnicos apenas nas distâncias olímpicas, ou seja, 50m estilos e 100m medley não valem.

O CREDITO DA FOTO É OBRIGATORIO: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Vinícius Lanza. Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Pela manhã, destaque para Diego Prado, único a nadar abaixo do índice na etapa. Foi nas eliminatórias dos 100m peito com 56.93 (índice é 57.00), mas na final, ficou longe desse tempo e não deve ir o Mundial. Não houve nenhum índice nas finais, mas tivemos ótimas marcas.

Foram 2 recordes sul-americanos em piscina curta. Fernando Scheffer venceu os 400m livre com 3:40.87, melhorando a marca continental (do venezuelano Cristian Quintero) em 0.80 e a marca brasileira (de Leonardo de Deus) em 0.88. Breno Correia, 2º nos 400m livre com 3:41.65, também nadou abaixo do recorde sul-americano anterior. O outro recorde continental foi com Jhennifer Conceição nos 100m peito. Ela venceu com 1:05.69, baixando marca de Carolyne Mazzo obtida há pouco mais de 1 mês, em 0.17. Carolyne bateu em 2º bem perto com 1:05.89.

As outras vitórias do dia foram de Maria Paula Heitman nos 400m livre com 4:06.92, Daiene Marçal Dias nos 100m borboleta com 56.91, Vinícius Lanza nos 100m borboleta com 50.17 e Felipe Lima nos 100m peito com 57.12. O Pinheiros venceu os dois revezamento 4x100m livre, com 3:36.43 no feminino e ótimos 3:06.82 no masculino, bem perto do recorde sul-americano.

Não está claro no sistema que há um limite por prova para os convocados por índice técnico, mas vou assumir isso. Seleção brasileira para o Mundial após o 1º dia, todos por índice técnico:

  1. Felipe Lima – 100m peito – 922
  2. João Gomes Jr – 100m peito – 909
  3. Fernando Scheffer – 400m livre – 887
  4. Daiene Marçal Dias – 100m borboleta – 883
  5. Vinícius Lanza – 100m borboelta – 880
  6. Breno Correia – 400m liver – 878
  7. Giovana Diamante – 100m borboleta – 866
  8. Maria Paula Heitmann – 400m livre – 856
  9. Jhennifer dos Santos – 100m peito – 855
  10. Nicholas dos Santos – 100m borboleta – 854
  11. Viviane Jungblut – 400m livre – 848
  12. Carolyne Mazzo – 100m peito – 847
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s