Mundial Masculino de Handebol – Dia 6

Mais sete jogos nesta segunda-feira já definiram as primeiras equipes classificadas para as 8as.

Grupo A

POL x RUS. Foto: IHF

POL x RUS. Foto: IHF

No solitário jogo do grupo do Brasil, a Polônia enfrentou a Rússia no desespero, precisando vencer de qualquer maneira. Bronze no último mundial, a Polônia decepcionou mais uma vez. Com a defesa funcionando, mas um ataque falho, a Rússia levou a partida, principalmente por conta da ótima atuação de seu goleiro Vadim Bogdanov, que defendeu 2 7-metros ainda no 1º tempo. Em 20min já tinha 9-5 com ataques precisos de Dmitry Kovalev, que fez 7 gols em 7 tentativas na partida. A Rússia foi pro intervalo com 13-9 e manteve a vantagem no 2º tempo até fechar com 24-20. Com 3 derrotas, a Polônia está eliminada do Mundial e a Rússia está classificada.

Classificação do Grupo: 1) FRA (6; +30); 2) RUS (4; +10); 3) NOR (4; +3); 4) BRA (4; -8); 5) POL (0; -10); 6) JPN (0; -25)

Grupo B

No duelo dos invictos no grupo, Eslovênia e Macedônia se enfrentaram em Metz. Mas nem o artilheiro do campeonato Kiril Lazarov foi suficiente para dar a vitória para os macedônios. Com 10min, a Eslovênia liderava com 5-2 e tinha uma aproveitamento de 100% contra 40% do lado macedônio. A Eslovênia respondia a cada gol macedônio até chegar ao intervalo com 16-10. A equipe de Lazarov marcou apenas 2 nos 10 primeiros minutos do 2º tempo enquanto a Eslovênia jogava com todos seus jogadores e seguia na frente, até vencer por 29-22.

Campeã mundial em 2013, a Espanha passeou por Angola, que sofreu com seus goleiros. O titular, Giovany Muachissengue, se machucou com apenas 50s de jogo e saiu. O reserva, Gilberto Figueira, entrou no lugar, mas em apenas 12 minutos levou um cartão vermelho e foi expulso. Muachissengue voltou, mas quando o placar estava 15-7 ainda no 1º tempo, ele distendeu o joelho direito e mancou pelo resto do 1º tempo. No 2º, com 25-13 no placar pra Espanha, uma nova distensão e ele teve que sair. Sem goleiros, o defensor Manuel Nascimento teve que entrar no gol. Se a tarefa já era fácil pra Espanha, ficou mais ainda e ela venceu por 42-22, com 9 de Angel Fernandez. Espanha e Eslovênia já estão classificadas para as 8as.

Classificação do Grupo: 1) ESP (6; +31); 2) SLO (6; +25); 3) MKD (4; +6); 4) ISL (1; -7); 5) TUN (1; -9); 6) ANG (0; -46)

Grupo C

Embed from Getty Images

Depois de duas derrotas para adversários europeus e sem seu melhor jogador Laszlo Nagy, com lesão no tornozelo, a Hungria finalmente venceu a 1ª, derrotando a surpresa Chile. Os húngaros abriram logo um 3-0 em 4 minutos e as equipes só se preocupavam com o ataque, deixando a defesa de lado. O Chile encostou em 7-6 e seguiu colado, dependendo muito dos irmãos Erwin e Emil Feuchtmann. Com 17-14, a Hungria foi pro vestiário na frente. No 2º tempo, Esteban e Rodrigo Salinas que faziam os gols do lado chileno, mas a Hungria mantinha a vantagem de 2-3 gols, até vencer por 34-29. Erwin Feuchtmann fez 9 gols enquanto Iman Jamali foi o destaque húngaro com 7.

Com sua 3ª vitória na competição, a Croácia se garantiu nas 8as após passar pelo Bielorrússia com 31-25. No 1º tempo, grande atuação de Luka Cindric, que fez 8 dos 18 gols croatas, colocando a sua equipe na frente no intervalo com 18-15. No retorno, a Bielorrússia se equiparou e a partida ficou bem mais difícil, até que eles encostaram em 23-22. Só que 5 gols seguidos dos croatas os colocaram de volta a frente com boa vantagem, faltando apenas 7min. Foi só manter a vantagem e fechar em 31-25.

Classificação do Grupo: 1) CRO (6; +14); 2) GER (4; +25); 3) HUN (2; -2); 4) BLR (2; -7); 5) CHI (2; -22); 6) KSA (0; -8)

Grupo D

O Bahrain abriu 2-1 no Egito, mas logo viu a virada africana, com 4 gols seguidos. Ao chegar em 13-10, Bahrain seguia colado e conseguiu marcar por 3 vezes, empatando, mas o Egito respondeu com outros 3 gols seguidos e manteve a vantagem até o fim do 1º tempo com 17-15. No 2º tempo, o Egito seguia mais forte e aumentava aos poucos a diferença, chegando a 26-20, mas o Bahrain se recuperou e encostou com 27-24. No final, ameaçou nova reação, mas não dava mais tempo e o Egito venceu por 31-29.

No duelo nórdico entre Dinamarca e Suécia, o 1º gol só saiu após 3min, com os goleiros já segurando tudo. Numa sequencia curiosa, os gols vinham sempre em grupo. Depois da Dinamarca abrir 1-0, a Suécia fez 3 seguidos, depois a Dinamarca marcou 3 vezes, Suécia mais 3 e Dinamarca com 5, chegando a 9-6. Mais uma boa sequencia dinamarquesa no fim do 1º tempo de 4 gols e a vitória parcial por 14-10. No retorno, Niclas Ekberg fez 3 gols seguidos pra Suécia, que encostou. Os gols agora se alternavam, mas a Dinamarca não saiu da frente do placar em nenhum momento, até fechar em 27-25 e manter e invencibilidade. Destaque para os 7 gols de Ekberg e 8 de Mikkel Hansen do lado dos dinamarqueses, já classificados.

Classificação do Grupo: 1) DEN (6; +20); 2) SWE (4; +33); 3) EGY (4; -3); 4) QAT (2; +8); 5) BRN (0; -29); 6) ARG (0; -29)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s