A ressaca está pior do que imaginávamos…

2b9e0aa200000578-0-image-a-14_1440408234956

Jogos acabaram e o esporte brasileiro infelizmente começa a voltar a sua realidade.

Que os investimentos diminuiriam, não é surpresa pra ninguém, afinal boa parte do país só lembra do esporte olímpico durante Jogos Olímpicos e Pan-Americanos e ainda por cima vai cobrar resultados. Também era esperado que alguns técnicos saíssem, pois o contrato acabaria com os Jogos. Mas o ritmo de notícias ruins está alucinante, ainda mais quando soma-se a isso a crise econômica do país.

Primeiro foram as saídas de vários técnicos, estrangeiros e brasileiros. Entre alguns exemplos estão o argentino Ruben Magnano do basquete masculino, o croata Ratko Rudic do pólo aquático masculino, o espanhol Jordi Ribera do handebol masculino, o russo Alexander Alexandrov da ginástica artística feminina, o neozelandês Chris Neill e o argentino Andrés Romagnoli do rugby, os brasileiros Ricardo Pereira e Renato Araújo, ambos da ginástica. E a lista parece que não termina…

Além disso, a Petrobras não renovou o patrocínio com a Confederação de Esgrima. Os Correios anunciaram um corte enorme nos patrocínios das confederações de tênis, desportos aquáticos (natação, saltos, pólo) e handebol. O orçamento do Ministério de Esportes para o ano que vem cai para quase pela metade. Há muitas dúvidas sobre o programa Bolsa Pódio e até mesmo sobre o Bolsa Atleta.

Além disso, a CBDA (desportos aquáticos) e a CBTKD (taekwondo) estão sendo investigadas por conta de fraudes e corrupção.

É… Não tá fácil…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s