Jogos Paralímpicos Rio-2016 – Dia 9

Depois de dois dias sem ouros, dois novos pra conta.

Atletismo

8br4so4y

De maneira espetacular, a recordista mundial do salto em distância T11 Silvânia Costa de Oliveira conquistou o ouro na prova. ela começou bem com 4,66m, depois 4,78m e 4,76m, sendo levemente ameaçada pela marfinense Fatimata Diasso, com 4,74m. Mas na 4ª rodada, Diasso saltou 4,89m, assumindo a liderança e pressionando a brasileira, que fez 4,82m na 5ª série. Diasso não melhorou e a pressão toda sobre Silvânia que, apoiada pela torcida, fez no seu último salto 4,98m e levou o ouro! Lorena Spoladore ainda ficou com o bronze com 4,71m, dando mais uma medalha ao Brasil.

Precisando se redimir após duas desclassificações em provas individuais, Terezinha Guilhermina ficou com o bronze nos 400m T11 com 57.97. A chinesa Liu Cuiqing sobrou para vencer com 56.71 enquanto a outra brasileira na final, Thalita da Silva, foi desclassificada.

Embed from Getty Images

Outros campeões do dia:

– 400m T36 masc: Paul Blake (GBR) com 54.49
– 400m T37 masc: Charl du Toit (RSA) com 51.13 (PR)
– 1.500m T46 masc: Samir Nouioua (ALG) com 3:59.46
– Salto em altura T47 masc: Roderick Townsend-Roberts (USA) com 2,09m (PR)
– Arremesso de peso F36 masc: Sebastian Dietz (GER) com 14,84m (PR)
– Arremesso de peso F40 masc: Garrah Tnaiash (IRQ) com 10,76m
– Arremesso de peso F55 masc: Ruzhdi Ruzhdi (BUL) com 12,33m (WR)
– Lançamento de disco F44 masc: David Blair (USA) com 64,11m (WR)
– Lançamento de club F51 masc: Zeljko Dimitrijevic (SRB) com 29,96m (WR)
– 200m T47 fem: Deja Young (USA) com 25.46
– 800m T34 fem: Hannah Cockroft (GBR) com 2:00.62
– 1.500m T20 fem: Barbara Niewiedzial (POL) com 4:24.37 (PR)
– Arremesso de peso F33 fem: Asmahan Boudjadar (ALG) com 5,72m

Natação

2016-939267245-201609162024244034_20160916

Mais uma vez, Daniel Dias deu show. Favoritíssimo para a prova dos 50m costas S5, ele não decepcionou e venceu com muita tranquilidade. Daniel completou a piscina em 35.40, um pouco acima do seu recorde mundial de 34.95, mas ainda assim venceu com uma margem de 2.54 sobre o britânico Andrew Mullen! Grande distância para apenas uma prova de 50m. Foi sua 13ª medalha de ouro em Paralimpíadas e a 22ª na carreira.

O bielorrusso Ihar Boki continuou seu show na categoria S13. Ele venceu seu 5º ouro no Rio, agora levando 100m livre com facilidade ao vencer com 50.90, recorde paralímpico. Nos 200m medley SM11 feminino, a simpática holandesa Liesette Bruinsma venceu sua 5ª medalha, a 2ª de ouro, com 2:49.87. Outro que tem dominado sua classe é o chinês Huang Wenpan, que faturou seu 5º ouro, agora nos 150m medley SM3 com 2:40.19, recorde mundial.

O dia rendeu apenas 4 recordes mundiais, o pior dia dos Jogos.

Outros campeões do dia:

– 50m livre S8 masc – Wang Yinan (CHN) com 26.24
– 100m livre S7 masc: Pan Shiyun (CHN) com 1:00.82
– 50m costas S4 masc: Arnost Petracek (CZE) com 43.12
– 100m costas S9 masc: Tamas Toth (HUN) com 1:04.30
– 200m medley SM11 masc: Israel Oliver (ESP) com 2:24.11
– 50m livre S8 fem: Maddison Elliott (AUS) com 29.73 (WR)
– 100m livre S7 fem: McKenzie Coan (USA) com 1:09.99
– 100m livre S13 fem: Anna Stetsenko (UKR) com 59.19
– 50m costas S4 fem: Cheng Jiao (CHN) com 48.11
– 50m costas S5 fem: Teresa Perales (ESP) com 43.03
– 100m costas S9 fem: Ellie Cole (AUS) com 1:09.18 (PR)
– Revezamento 4x100m medley 34 pontos fem: Grã-Bretanha com 4:45.23 (WR)

Futebol de 7

Embed from Getty Images

Com 3 gols de Leandro, o Brasil venceu a Holanda por 3-1 e ficou com o bronze na modalidade, voltando ao pódio após 2 ausências seguidas. Leandro fez o 1º logo no primeiro minuto da partida e o Brasil ampliou para 2-0 faltando 11min para o final do jogo. 5 minutos depois, a Holanda diminuiu, mas segundos depois, o Brasil ampliou e garantiu a medalha.

Na final, a Ucrânia venceu o Irã por 2-1 para faturar o ouro pela 3ª vez em sua 5ª final seguida. Esta edição marcou a saída da modalidade do programa paralímpico e não estará presente em Tóquio.

Goalball

Num jogo duríssimo com grande virada, o Brasil foi medalha de bronze no goalball masculino. A Suécia foi pro intervalo do jogo com 3-0 sobre a seleção brasileira. No 2º tempo, abriu 4-0 e parecia tudo perdido, assim como na semifinal. Mas como dois gols de Josemárcio e do Leomon, um dos melhores jogadores do mundo, o Brasil empatou. Faltando 42s pro fim, a Suécia fez o 5º, mas Leomon se manteve calmo e, na bola seguinte, empatou! A partida foi pra prorrogação com gol de ouro. Após 3min, o 1º tempo da prorrogação terminou sem gols. No 2º tempo, a Suécia errou o 1º arremesso, mas Leomon fez no lançamento seguinte e o Brasil venceu a medalha.

Já no feminino, as brasileiras, ainda abaladas da derrota na semifinal para a China no gol de ouro, perderam para os Estados Unidos por 3-2 e ficaram sem medalha. Nas finais, a Turquia foi ouro no feminino com 4-1 sobre a China (foi a 3ª derrota seguida na final das chinesas) e no masculino, a Lituânia derrotou os americanos por 14-8.

Hipismo

Nas provas de estilo livre, Sérgio Oliva faturou seu 2º bronze dos Jogos no grau Ia. Montando Coco Chanel, Sérgio ficou novamente atrás das duas britânicas. Ele fez 75,150 para levar o bronze. Sophie Christiansen, que faturou seu 3º ouro no Rio, fez 79,700 e Anne Dunham foi prata com 76,050.

O mito Lee Pearson faturou sua 13ª medalha de ouro nos Jogos! O britânico venceu a classe Ib com 77,400. A britânica Natasha Baker venceu o grau II, a holandesa Sanne Voets venceu o grau III e a belga Michele George venceu no grau IV.

Ciclismo de Estrada

Embed from Getty Images

Alessandro Zanardi fez parte do revezamento italiano que foi ouro na prova por equipes H2-5. A Itália venceu com 32:34 contra 33:21 da equipe americana e 34:02 da Bélgica. Zanardi sai do Rio com 2 ouros e 1 prata, o mesmo conquistado em Londres.

Nas provas de estrada, o alemão Steffen Warias levou na classe C1-2-3 masculina, a americana Jamie Whitmore faturou a mesma prova no feminino, o alemão Hans-Peter Durst venceu no T1-2 masculino e a australiana Carol Cooke no T1-2 feminino.

Basquete em CR – Os EUA venceram o torneio feminino de basquete com 62-45 sobre a Alemanha na final. Na disputa do bronze, a Holanda venceu por tranquilos 76-34 a Grã-Bretanha. O Brasil jogou na disputa do 7º lugar, e venceu por 57-39 a França, terminando na melhor posição da história.

Embed from Getty Images

Tênis em CR – Em mais uma final holandesa, as finalistas do individual jogaram juntas. Jiske Griffioen e Aniek van Koot venceram por 64 62 as compatriotas Marjolein Buis e Diede de Groot. A Holanda jamais perdeu um ouro em Paralimpíadas no feminino. Na final masculina entre britânicos, Gordon Reid derrotou tranquilamente Alfie Hewett por 62 61.

Bocha – Nas finais, 4 ouros para 4 países. No BC1, vitória do britânico David Smith, no BC2 Watcharaphon Vongsa venceu em final toda tailandesa. No BC3, ouro pro sul-coreano Ho Won Jeong por 8-1 sobre grego. E na BC4, Yuk Wing Leung, de Hong Kong, venceu de virada 4-3 sobre eslovaco.

Esgrima em CR – Mais domínio chinês nas provas de florete por equipe. No masculino venceu na final por 45-27 a Polônia e no feminino derrotou por 45-28 a Hungria. 9 ouros chineses em 14 provas da esgrima.

Tênis de Mesa – A China venceu dois ouros por equipes, na classe 3 masculina e nas clases 1-3 feminina. A Coreia do Sul faturou as classes 4-5 masculina e a Ucrânia venceu nas classe 6-8. O Brasil disputou o bronze da classe 3 masculina, mas perdeu por 2-0 para a Tailândia.

Tiro com Arco – Final chinesa nas disputas do composto feminino. Após empate em 138-138, Zhou Jiamin fez 9 contra 7 da sua compatriota Lin Yueshan e foi ouro. Na categoria W1 masculina, o britânico John Walker derrotou por 141-139 o checo David Drahoninsky.

Medalhas brasileiras por dia:

1º dia: 2 – 1 – 1
2º dia: 1 – 5 – 1
3º dia: 2 – 3 – 3
4º dia: 1 – 2 – 2
5º dia: 3 – 6 – 2
6º dia: 1 – 4 – 3
7º dia: 0 – 3 – 2
8º dia: 0 – 1 – 4
9º dia: 2 – 0 – 5
Total: 12 – 25 – 23

Medalhas brasileiras por esportes:

Atletismo:             8 – 11 – 10
Natação:                 3 – 7 – 6
Bocha:                     1 – 1 – 0
Judô:                        0 – 4 – 0
Tênis de Mesa:     0 – 1 – 1
Halterofilismo:   0 – 1 – 0
Hipismo:               0 – 0 – 2
Canoagem:            0 – 0 – 1
Ciclismo:               0 – 0 – 1
Futebol de 7:        0 – 0 – 1
Goalball:                0 – 0 – 1
Total:                      12 – 25 – 23

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s