Jogos Paralímpicos Rio-2016 – Dia 3

Dia de pratas no judô e 2 belos ouros no atletismo.

Atletismo

claudineybatista

Claudiney dos Santos

Pela manhã, em prova bem longa, Claudiney dos Santos venceu o lançamento de disco F54/55/56. Na sua 2ª tentativa fez 45,33m, ficando a 16cm do recorde mundial da sua categoria. Na série de 3 lançamento finais, ele seria o último a entrar, já que nesta prova cada atleta dá 3 lançamentos de uma única vez. Penúltimo a entrar, o iraniano Alireza Nasseri até melhorou para 44,04m, mas não foi suficiente e ouro pro Brasil.

shirlene-coelho-posa-com-a-bandeira-do-brasil-nos-jogos-paralimpicos-1473560518605_v2_900x506

Shirlene Coelho

Na sessão noturna, o show ficou por conta da nossa porta-bandeira, Shirlene Coelho. Ela dominou o dardo F37 para vencer com 37,57m! Aliás, qualquer um dos seus 5 lançamentos válidos seria suficiente pro ouro. A prata foi pra chinesa Mi Na com distantes 30,18m.

Rodrigo Parreira da Silva foi bronze nos 100m T36 com 12.54, em prova vencida pelo malaio Mohamad Ridzuan Puzi com 12.07, recorde paralímpico. Nos 100m T11 masculino, apenas Felipe Gomes estará na final com o 2º tempo de 11.15. Lucas Prado sentiu lesão na 1ª rodada e nem disputou a semifinal

Outros campeões do dia:

– 100m T33 masc: Ahmad Almutairi (KUW) com 16.61 (PR)
– 100m T52 masc: Gianfranco Iannotta (USA) com 17.17
– 1.500m T38 masc: Abbes Saidi (TUN) com 4:13.81 (PR)
– Salto em distância T12 masc: Hilton Langenhove (RSA) com 7,07m
– Arremesso de peso F20 masc: Muhammad Ziyad Zolkefli (MAS) com 16,84m (WR)
– Arremesso de peso F33 masc: Daniel Scheil (GER) com 11,03m
– 100m T34 fem: Hannah Cockroft (GBR) com 17.42 (PR)
– 400m T52 fem: Michelle Stilwell (CAN) com 1:05.43 (PR)
– 1.500m T13 fem: Somaya Bousaid (TUN) com 4:21.45
– Salto em distância T42 fem: Vanessa Low (GER) com 4,92m (WR)
– Arremesso de peso F20 fem: Ewa Durska (POL) com 13,94m (WR)
– Arremesso de peso F54 fem: Yang Liwan (CHN) com 7,89m (PR)
– Lançamento de dardo F56 fem: Diana Dadzite (LAT) com 23,26m (WR)

Judô

No último dia de disputas, 5 categorias e o Brasil chegou a 3 finais e a uma disputa de bronze! E perdeu todas as lutas.

Nos 70kg feminino, Alana Maldonado foi imobilizada pela mexicana Lenia Alvarez e ficou com a prata. Na categoria acima de 70kg feminino, na disputa de bronze, Deanne de Almeida tinha dado um wazaari na americana Christella Garcia, mas bobeou e levou uma imobilização, perdendo a medalha.

16254264

Antonio Tenório (de branco)

Tetracampeão paralímpico e bronze em Londres, Antonio Tenório chegou à final dos 100kg, garantindo sua 6ª medalha. Mas levou ippon do sul-coreano Choi Gwanggeun. Na última luta dos Jogos, Willians de Araujo levou ippon do uzbeque Adiljan Tuledibaev em 2s de luta na final do acima de 100kg. O georgiano Zviad Gogotchuri foi ouro nos 90kg masculino e a chinesa Yuan Yanping venceu no acima de 70kg feminino.

Natação

Em final apertada, Daniel Dias foi bronze nos 50m borboleta S5 com 35.62. Essa era uma prova bem difícil para ele, apesar de ser o dono do recorde mundial. O ouro ficou com o americano Roy Perkins com 35.04. A surpresa veio nos 400m livre S11 masculino. Matheus Souza foi bronze na prova com 4:41.05, se tornando o 1º homem brasileiro a medalhar nessa categoria em uma Paralimpíada. Veterano de guerra que perdeu a visão por conta de uma bomba no Afeganistão, o americano Bradley Snyder venceu com 4:28.78.

Jessica Long segue sem vencer nos Jogos. 5 ouros em Londres, agora foi prata nos 100m peito SB7 com 1:32.94 atrás da sua compatriota Elizabeth Marks com 1:28.13, novo WR. Long tem 2 pratas e 1 bronze até o momento. Já a neozelandesa Sophie Pascoe segue vencendo e fatura seu 7º ouro paralímpico na carreira ao vencer os 100m costas S10 com 1:07.04.

Outros campeões do dia:

– 50m livre S6: Xu Qing (CHN) com 28.81
– 50m costas S3 masc: Dmytro Vynohradets (UKR) com 44.94
– 100m costas S10 masc: Maksym Krypak (UKR) com 57.24 (WR)
– 100m peito SB7 masc: Carlos Serrano Zarate (COL) com 1:12.50 (WR)
– 200m medley SM13 masc: Ihar Boki (BLR) com 2:04.02 (PR)
– 50m livre S6 fem: Yelyzaveta Mereshko (UKR) com 33.43 (PR)
– 400m livre S11 fem: Liesette Bruinsma (NED) com 5:15.08
– 50m costas S3 fem: Peng Qiuping (CHN) com 48.49 (WR)
– 50m borboleta S5 fem: Xu Xihan (CHN) com 43.62
– 200m medley SM13 fem: Rebecca Meyers (USA) com 2:24.66

Ciclismo de Pista

Dia fraco pra Grã-Bretanha no velódromo com apenas uma medalha de ouro. Foi nos 500m contra-relógio C4-5 feminino, com Kadeena Cox. Ela é C4 e bateu o recorde mundial da prova com 35.716. Como há mais de uma categoria, existe um fator que ajusta os tempos e ela ficou com o tempo ajustado de 34.598. Prata pra chinesa Zhou Jufang com 36.004, que é C5 e o fator é 100%.

csbmaooxyamrkxv-696x385

Lauro Chaman

Resultado inédito pro Brasil com Lauro Chaman fazendo o 4º tempo na perseguição individual C5 com 4:41.697. Ele se classificou para a disputa do bronze, mas perdeu pro colombiano Edwin Fabian Ruiz. O brasileiro fez 4:43.257 contra 4:38.896 do colombiano. Ouro pro ucraniano Yehor Dementyev.

Outros campeões do dia:

– Perseguição individual C4 masc: Jozef Metelka (SVK)
– 1km contra relógio C1-2-3 masc: Li Zhangyu (CHN)
– 500m contra relógio C1-2-3 fem: Alyda Norbruis (NED)

Basquete em CR – O Brasil fez um bom jogo com a Grã-Bretanha no masculino, jogando de igual para igual por boa parte do jogo, mas perdeu por 73-55

Futebol de 7 – O Brasil goleou a Irlanda por 7-1 e somou sua 2ª vitória em 2 jogos. Encerra a 1ª fase nesta segunda contra a Ucrânia valendo a liderança do grupo. Como o Brasil tem vantagem nos critérios de desempate, briga pelo empate para fechar em 1º no grupo.

Halterofilismo – A ucranian Lidiia Soloviova venceu a categoria até 50kg feminino com 107kg, novo recorde paralímpico da prova. Nos 55kg feminino, vitória da mexicana Amalia Perez com 130kg, novo recorde mundial. Já nos 65kg masculino, ouro pro nigeriano Paul Kehinde com 218kg, recorde mundial.

Tiro – A eslovaca Veronika Vadovicova venceu o rifle de ar 10m deitado SH1 misto com 212,5 pontos na final contra 211,5 da alemã Natascha Hiltrop e levou seu 2º ouro no Rio. Na mesma prova, só que no SH2, ouro pra eslovena Veselka Pevec com 211,0.

Triatlo – Na estreia da modalidade em Jogos Paralímpicos, tivemos as provas masculinas. No PT1, ouro pro holandês Jetze Plat em 59min31s, vantagem de quase 2min pro 2º colocado. Nesta categoria, Fernando Aranha foi 7º e se tornou o 1º brasileiro a disputar as Paralimpíadas de Inverno e Verão. No PT2, ouro pro britânico Andrew Lewis com 1:11:49. Já no PT4, vitória do alemão Martin Schulz com 1:02:37.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s