Resumo Rio-2016 – Basquete

Masculino

team-usa-basketball-ftr-082116jpg_1x355kcrghq5t16xsrqwf3vdew

Aconteceu tudo como esperado, mas a seleção americana de basquete só deu show mesmo na final.

No Grupo A, os americanos abriram o torneio vencendo por 119-62 a China e depois com 113-69 na Venezuela. Depois, foram 3 jogos duros e em dois ficou perto até mesmo de perder. A Austrália apertou e chegou a ficar na frente no 1º tempo, mas acabou perdendo por 98-88. Numa prévia da final, sofreu com a forte Sérvia, que chegou a fazer um excelente 4º quarto, mas os americanos prevaleceram com 94-91. Para fechar a 1ª fase, mais uma bobeada no 4º quarto e mais uma vitória, por 100-97 sobre a França.

Já a Austrália fez uma ótima campanha, abrindo o torneio com fácil vitória sobre a França de 87-66, arrasando a Sérvia com 95-80, a China com 93-68 e a Venezuela por 81-56, além da derrota pros americanos. Quem sofreu para passar foi a Sérvia. Começou vencendo a Venezuela por 86-62, mas depois perdeu 3 partidas seguidas, incluindo para a França por um ponto. Ainda assim, passou em 4º no grupo.

Já no Grupo B, foi tudo embolado, com 4 equipes ficando com 3 vitórias e 2 derrotas. No 1º dia, Croácia venceu a forte Espanha por 72-70, mas acabou perdendo de 90-82 para a Argentina. Aí venceu o Brasil por 80-76, foi derrotada pela Nigéria por 90-76 e fechou vencendo a Lituânia com 90-81. Em 2º no grupo, a Espanha começou bem mal, perdendo da Croácia e do Brasil por 66-65, mas venceu a Nigéria e arrasou a Lituânia com 109-59 (!), encerrando com vitória sobre a Argentina de 92-73. Lituânia e Argentina também avançaram em 3º e 4º respectivamente.

O Brasil começou mal, perdendo de 82-76 para a Lituânia, mas se recuperou com a espetacular vitória sobre a temida Espanha. Aí veio uma derrota para a Croácia que complicou a situação brasileira. Num jogo disputadíssimo, o Brasil perdeu para a Argentina por 111-107 em partida que contou com duas prorrogações. O Brasil tev eo jogo na mão no tempo normal, liderando por 7 pontos, mas bobeou no final e levou o empate, graças a uma cesta de 3 de Andrés Nocioni, maior pontuador da partida com 37 pontos, 11 rebotes e 11 assistências. A equipe brasileira encerrou a 1ª fase vencendo 86-69 a Nigéria e precisava torcer por uma vitória argentina sobre a Espanha para avançar, o que não aconteceu. Assim, Brasil foi precocemente eliminado em 5º no grupo e 9º no geral.

Nas 4as, Austrália começou vencendo a Lituânia por 90-64 e a Espanha sobrou na França com 92-67. Os americanos passaram o trator nos argentinos com 105-78, mas a surpresa veio mesmo no último jogo. Na eterna rivalidade entre os dois países, a Sérvia, 4ª no grupo A, derrotou a Croácia, 1ª no B, por 86-83, graças a um excelente 3º quarto de 34-14.

Nas semifinais, os americanos sofreram para vencer a Espanha por 82-76 enquanto a Sérvia dominou a Austrália com 87-61. Na disputa do bronze, a Austrália chegou a ficar na frente por quase todo o 2º tempo e iria vencer, quando foi dada uma falta até agora questionável e a Espanha virou com 89-88 graças a duas conversões de Sergio Rodriguez. Grande atuação de Pau Gasol com 31 pontos de Patty Mills com 30 pelo lado australiano.

Na final, veio o show. Foi a última final disputada nos Jogos e a partida acabou pouco antes do início do Encerramento. Com 19-15 no 1º quarto, parecia que a final seria bem equilibrada, mas a porteira sérvia abriu e os americanos entraram arrasando com 33-14 no 2º e foram pro intervalo com uma vantagem de 23 pontos. No 3º, a distância aumentou para 35 pontos, com o placar de 79-43. No último, com os americanos já relaxados, a Sérvia fez 23-17, mas foi derrotada por 96-66 para os americanos, que levam o 3º ouro seguido e o 15º na história. O destaque do jogo foi Kevin Durant com 30 pontos. Mesmo sem dar show, os americanos tiveram uma média de pontos de 100,9 em 8 partidas

Feminino

women-s-basketball-8-21-16_custom-08e884782158dfe2f11fccf38e9c3e40014a68f7-s900-c85

Se no masculino houve uma certa dúvida em alguns momentos, no feminino a equipe americana destruiu as adversárias.

No Grupo A, a Austrália venceu suas 5 partidas. Na estreia, fez 84-66 no Brasil, deposi 61-56 na Turquia, 89-71 na França, 92-86 no Japão e encerrou com 74-66 na Bielorrússia. Já França, Turquia e Japão ficaram empatadas com 3 vitórias cada, mas a França saiu na frente nos critérios de desempate e passou em 2º. Sem uma seleção decente já há algum tempo, o Brasil perdeu os 5 jogos. Começou sendo derrotado pela Austrália, depois pro Japão por 82-66, aí de 65-63 pra Bielorrússia, mesmo tendo liderado por quase toda a partida, caiu pra França por 74-64 e fechou com derrota pra Turquia após 2 prorrogações de 79-76. Detalhe que no intervalo do tempo normal tinha vantagem de 36-20.

Já no Grupo B, tudo dentro do esperado, com 5 vitórias fáceis pras americanas. Na estreia, arrasaram o Senegal por 121-56, depois 103-63 na Espanha, 110-84 na Sérvia, 81-51 no Canadá e 105-62 na China. A Espanha ficou em 2º no grupo: venceu 65-59 a Sérvia, perdeu pros EUA, 89-68 na China, 97-43 em Senegal e 73-60 no Canadá. Completaram as classificadas pras 4as o Canadá e a Sérvia.

Nas 4as, veio a surpresa logo no 1º jogo, com a 4ª colocada no Grupo B, a Sérvia, vencendo a até então invicta Austrália, com 73-71, mesmo com 29 pontos de Liz Cambage. Depois foi a vez da Espanha sofrer, mas vencer a Turquia por 64-62. As americana passearam no Japão com 110-64 e a França eliminou o Canadá com 68-63.

Nas semifinais, Espanha 68-54 na Sérvia e EUA 86-67 na França, na reedição da final de Londres-2012, onde os EUA também venceu por 86 pontos. A Sérvia venceu a França por 70-63 e ficou com o bronze. Já na final, o 8º passeio americano, com 101-72 na Espanha, o 6º ouro seguido pros EUA no basquete feminino. Sue Bird, Diana Taurasi e Tamika Catchings levaram seu 4º ouro olímpico. Foi a 5ª vez nas últimas 6 Olimpíadas que os EUA fizeram a dobradinha com ouro nos dois torneios de basquete.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s