Perfil 2016 – Equipe de Rugby 7s de Fiji

 

31/75

Fiji

Rugby 7s

Mundiais: 2 ouros

 

 

Nunca o arquipélago de Fiji ficou tão perto de uma medalha olímpica como ficará no Rio-2016, graças a sua espetacular seleção masculina de rugby 7s.

Num país formado por mais de 330 ilhas e com uma população de pouco mais de 850.000 habitantes, Fiji consegue montar uma das melhores seleções do mundo da modalidade e chegará ao Rio de Janeiro como a grande favorita para garantir sua primeira medalha olímpica.

Liderados pelo capitão Osea Kolinisau, a equipe de Fiji venceu as últimas duas temporadas da Série Mundial de Rugby 7s masculino. Em 17 temporadas do circuito, Fiji jamais ficou fora do Top-4 e venceu 30 etapas até então.

A primeira grande vitória veio em 1997 em Hong Kong, quando Fiji venceu o Campeonato Mundial da modalidade, com 24-21 na África do Sul na final. Em 2005, veio o 2º título mundial, agora com 29-19 na Nova Zelândia na final.

O primeiro título da Série Mundial veio na temporada de 2005-06, quando Fiji encerrou a sequência espetacular de 6 títulos da Nova Zelândia. Nesta temporada, venceram as etapas da África do Sul, Nova Zelândia, Singapura e de Londres, liderados por Waisale Serevi, considerado até hoje o melhor jogador de rugby 7s de todos os tempos. Conhecido como “maestro”, Serevi jogou até 2006 e encerrou sua carreira de maneira brilhante com o título da série Mundial.

Após a vitória, veio uma seca de 8 temporadas sem títulos da Série Mundial, quando em 2014-15 a equipe levou novamente o troféu, após 4 vitórias em 9 etapas, faturando na Austrália, nos EUA, em Hong Kong e na Escócia. Com 312 pontos, Osea Kolinisau foi eleito o melhor jogador da temproada.

Embalado, Fiji foi o mais regular na seguinte, de 2015-16, vencendo 3 etapas: Dubai, Las Vegas e novamente Hong Kong. Num duelo apertado com África do Sul, venceu o título geral com 181 pontos contra 171 da equipe africana, para levar a 3ª Série Mundial.

Num país pequeno onde o rugby é uma religião e onde não param de surgir grandes talentos, a seleção de Fiji chega ao Rio como a mais forte candidata ao ouro olímpico no retorno do esporte aos Jogos. Nunca Fiji esteve sonhou tanto com uma medalha. E provavelmente de ouro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s