Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude – Dias 9 e 10 – Final

Finalizando os posts sobre os Jogos da Juventude.

Bobsled

Os brasileiros foram muito bem nos treinos do monobob com 2º ou 3º tempo em alguns momentos e confesso que acreditei numa chance mínima de medalha. Mas treino é treino e jogo é jogo.

Embed from Getty Images

No monobob feminino, Jéssica Victoria fez o 12º tempo na primeira descida com 59.89. Na 2ª, melhorou com 59.17, o 6º, mas terminou na 9ª posição em geral. A alemã Laura Nolte fez o 2º tempo na 1ª descida 0.02 pior qur a austríaca Mercedes Schulte, mas fez uma ótima 2ª passagem para vencer com a soma de 1:57.41, seguida da austríaca a 0.24 e da britânica Kelsea Purchall a 0.26.

No masculino, Marley Linhares fez o 8º tempo na 1ª (57.86) e o 7º na 2ª (58.00), somando 1:55.86, 8º no geral. Mais um ouro alemão, para Jonas Jannusch, 2º tempo nas duas descidas, mas com a melhor soma, 1:54.29. Prata pro russo Maksim ivanov com 1:54.44 e bronze pro norueguês Kristian Olsen com 1:54.53.

Esqui Alpino

Na prova paralela por duplas mistas, mais um ouro alemão no dia. Lucia Rispler e Jonas Stockinger venceram na final por 3-1 a Rússia para levar o ouro. Nas 3 rodadas anteriores, sofreram, pois empataram em todas em 2-2, mas levaram nos critérios de desempate. O bronze ficou com a Finlândia, com 3-1 no Canadá. River Radamus perdeu mais uma chance do 4º ouro, quando os EUA perdeu pro Canadá na primeira rodada.

Patinação Artística

Na prova por equipes mistas, a vitória ficou com a equipe Desire, formada pelo russo Dmitri Aliev, a chinesa Li Xiangning, os americanos Sarah Rose/Joseph Goodpaster e os russos Anastasia Skoptcova/Kirill Aleshin. Aliev foi o 2º no masculino, a chinesa a 4ª, os americanos ficaram em 5º nos pares e os russos ficaram em 2º na dança, somando 23 pontos no total. Prata pra equipe Future com 20 pontos bronze pra equipe Discovery com 18, que contou com o letão Deniss Vasiljevs, prata no individual.

Short Track

Embed from Getty Images

No revezamento misto, 2 meninos e 2 meninos de países diferentes no revezamento de 3.000m. Com 4:14.413 na final A, a equipe B levou o ouro com a norueguesa Ane Farstad, a sul-coreana Kim Ji-yoo, o belga Stijn Desmet e o francês Quentin Fercoq. A sul-coreana era a única que tinha medalhado em Lillehammer, vencendo os 1.000m. Prata pra equipe C com 4:14.495 e bronze pra Equipe F, com 4:17.181.

Biatlo

Embed from Getty Images

Fechando o biatlo, o revezamento misto, que deu o 4º ouro para a Noruega em casa. Liderando desde o 2º atleta, a equipe da casa venceu com 1:18:35.6, sem dar voltas extras, mas precisando de 11 tiros adicionais. Campeão da perseguição e prata no sprint, Sivert Bakken fechou sem nenhum erro para dar o ouro à Noruega. A prata ficou com a equipe da Alemanha a 7.6 com 9 tiros extras e a Itália ficou com o bronze a 1:30.4, mesmo com apenas 6 tiros extras.

Curling

2024-2806_wide

Pódio das duplas mistas. Foto: Richard Gray/WCF

A japonesa Yako Matsuzawa e o suíço Philipp Hösli levaram o ouro nas duplas mistas. Na final, venceram por 11-5 a chinesa Han Yu e o britânico Ross Whyte. Bronze para a chinesa Zhao Ruiyi e pro norueguês Andreas Harstad, com 10-1 na disputa da medalha. Giovanna Barros, única brasileira que passou pela 1ª rodada, ao lado do americano Bem Richardson, perdeu nas 8as. Eles venciam por 7-5 no 5º end, quando sofreram o empate no 6º e ainda tiveram o martelo roubado em 2 pedras no 7º, perdendo por 9-7.

Hóquei no Gelo

Para encerrar o post e os Jogos, as finais do hóquei no gelo.

No sábado, as disputas de bronze. Entre as meninas, a Suíça venceu por 5-2 a Eslováquia e no masculino, vitória russa por 6-2 sobre a Finlândia. No domingo, a Suécia levou o ouro no feminino com 3-1 sobre a República Checa com 2 gols de Sofie Lundin.

Captura de Tela 2016-02-24 às 00.20.19

EUA comemorando o ouro. Foto: Fredrik Olastuen

Na final masculina, o clássico Canadá x EUA. TJ Walsh abriu 1-0 para os americanos no 1º tempo. No 2º, Jack Deboer abriu 2-0. No final do período, Ryan Merkley diminuiu pro Canadá em Power play, mas 2min depois, os EUA fizeram 3-1 com Christian Krygier.. Na metade do 3º, Allan McShane diminuiu novamente pro Canadá, mas com dois gols em menos de 40s, os EUA fecharam com 5-2 para comemorar o 10º ouro americano em Lillehammer e para fechar em 1º no quadro de medalhas.

Após 70 provas em 10 dias, 18 países levaram um ouro e 28 medalharam, sem contar as provas com equipes de países diferentes. EUA liderou o quadro com 10 ouros e 6 pratas, seguido da espetacular Coreia do Sul, com 10 ouros, 3 pratas e 3 bronzes. Rússia com 24 medalhas foi a que venceu mais no total, e a Noruega saiu-se bem com o 5º lugar e 4-9-6.

Captura de Tela 2016-02-24 às 00.24.08Captura de Tela 2016-02-24 às 00.24.24

A próxima edição dos Jogos de inverno deve acontecer em Lausanne, na Suíça, em 2020.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s