O ano dos saltos!

Há dois meses falei do ótimo início do ano da marcha atlética, que teve recorde mundial e ótimas marcas. Mas agora que a temporada de pista e campo começou de verdade, parece que será o ano dos saltos!

Ano passado, o salto em altura masculino foi o destaque do esporte, com 4 atletas passando dos 2,40m. Em 2015, o salto triplo chamou a atenção na etapa de Doha da Diamond League, com 2 atletas acima de 18m em uma mesma prova, a primeira vez na história que isso aconteceu. Neste sábado, na etapa da Diamond League de Eugene, nos EUA, os 4 saltos tiveram ótimos resultados!

Caterine Ibarguen em Eugene em 2013. Foto: Kirby Lee

 

No salto triplo feminino, a russa Yekaterina Koneva começou com a 15,04m. Mas aí a colombiana Caterine Ibarguen mostrou porque é a melhor do mundo na atualidade. Ela fez 15,01m e depois conseguiu 15,18m!! Uma pena que o vento foi de +2,1, senão seria a melhor marca do ano. Keila Costa ficou em 4º, com 14,21m.

Renaud Lavillenie. Foto: Kirby Lee

 

No salto com vara, o francês campeão olímpico e mundial Renaud Lavillenie começou mal, precisando das 3 chances para passar nos 5,70m. Mas aí encaixou e conseguiu excepcionais 6,05m! Foi sua melhor marca pessoal em provas outdoor (ele tem 6,16m indoor). É o segundo saltador da história, igualando as marcas de Maksim Tarasov e Dmitri Markov, atrás apenas do Sergey Bubka. É o melhor salto outdoor desde 1997! Agusto Dutra decepcionou, queimando as 3 em 5,70m e ficando sem marca.

Mutaz Essa Barshim. Foto: EPA

 

Parece que o salto em altura masculino vai continuar em alta! Mutaz Essa Barshim venceu a prova com 2,41m, melhor marca do ano. Ontem, no 1º dia da etapa, no salto em distância feminino, Tianna Bartoletta venceu com 7,11m, também com vento acima.

Em prova de 100m feminino que não valia pela Diamond League, Rosângela Santos ficou em 3º com 11.04, sua melhor marca pessoal e chegando perto do recorde sul-americano da Ana Cláudia Silva, que foi 7ª na prova com 11.30.

Outros destaque em Eugene foram Shelly-Ann Fraser-Pryce e Murille Ahoure ambas com 10.81 nos 100m, Kirani James com 43.95 nos 400m, Eunice Sum com 1:57.82 nos 800m, Justin Gatlin com 19.68 nos 200m, Genzebe Dibaba com 14:19.76 nos 5.000m, Pascal Martinot-Lagarde com 13.06 nos 110m com barreiras, Ezekiel Kemboi com 8:01.71 nos 3.000m com obstáculos e Mo Farah 26:50.97 nos 10.000m todas melhores marca do ano no mundo!

O ano do atletismo promete!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s