Resumo do fim de semana de inverno

Faz um tempinho que não faço, mas vamos porque as temporadas estão chegando ao fim e já tem muita gente sendo coroado.

Esqui Alpino

Os homens foram para a tradicional cidade de Garmisch-Partenkirchen na Alemanha,que já recebeu Jogos Olímpicos e vários mundiais. E só deu Áustria. No downhill, Hannes Reichelt, campeão mundial no Super-G há menos de um mês, liderou o pódio todo da Áustria, com 1:11.90 seguido de Romed Baumann com 1:11.91 (!) e Matthias Meyer com 1:12.14. Agora o destaque foi no domingo a prova absolutamente espetacular de Marcel Hirscher (foto) no slalom super gigante. Na primeira descida, Hirscher fez 1:23.36, já abrindo 1.99 sobre o 2º colocado. Na segunda, a sua vantagem era enorme, mas ele fez mais uma grande descida com 1:19.95 e venceu com 2:43.23, com incríveis 3.28 de vantagem sobre Felix Neureuther! Foi a 3ª maior vantagem já registrada em uma Copa do Mundo!

As mulheres foram para Bansko, na Bulgária, mas a neblina atrapalhou bastante. Após 2 cancelamentos, Anna Fenninger foi suprema, venceu as duas provas e encostou na Maze na classificação geral. Na super combinada, a única da temporada na Copa do Mundo, ela venceu com 2:05.06, com 0.39 de vantagem sobre a super Tina Maze. No Super-G na segunda-feira, Fenninger venceu com 1:14.59, novamente deixando Tina Maze em 2º.

Classificação Geral:

Masculino (após 29 etapas): 1) Marcel Hirschcer (AUT) 1.128; 2) Kjetil Jansrud (NOR) 940; 3) Alexis Pinturault (FRA) 744

Feminino (após 24 etapas): 1) Tina Maze (SLO) 1.145; 2) Anna Fenninger (AUT) 1.101; 3) Mikaela Shiffrin (USA) 750

Patinação de Velocidade

Foi disputado no Cazaquistão, em Astana, o Mundial de Sprint, onde cada atleta faz duas provas de 500m e duas de 1.000m. Os tempos são convertidos em pontos e a menor pontuação vence.

No masculino, o russo que surpreendeu o mundo nesta temporada deixou todos bem para trás. Pavel Kulizhnikov venceu duas prova de 500m, uma de 1.000m e foi 3º na outra de 1.000m. Ele somou 138.325 pontos e ficou com o título mundial. Grande destaque na Copa do Mundo, ele foi ouro nos 500m no Mundial e prata nos 1.000m. O holandês Hette Otterspeer com 139,335 e o russo Aleksey Yesin com 139,855 completaram o pódio.

Entre as mulheres, dobradinha americana. Depois de decepcionarem em Sochi e arrasarem no Mundial no Carnaval, Brittany Bowe (foto) e Heather Richardson foram perfeitas. Bowe venceu as 4 provas e somou excelentes 149.600. Richardson ficou em 2º nas 4 provas e foi prata com 150,815. A checa Karolina Erbanova completou o pódio com 152,625.

Esqui Freestyle

Mikael Kingsbury continua imbatível no moguls! Em Tazawa (JPN), o canadense venceu no sábado a prova de moguls e no domingo a de dual moguls! Já são 7 vitórias seguidas pra ele! No feminino, a americana Hannah Kearney levou o moguls no sábado e outra americana, Morgan Schild, surpreendeu vencendo o dual moguls no domingo.

As provas de aerials acabaram no domingo em Minsk (BLR). O ucraniano Oleksandr Abramenko venceu no masculino e a americana Ashley Caldwell no feminino. Com uma temporada sem os chineses em várias etapas, os diamantes ficaram com dois americanos: Mac Bohonon faturou entre os homens com 491 pontos e Kiley McKinnon entre as mulheres com 407 pontos. Detalhe que ela não venceu nenhuma etapa.

Snowboard

O esloveno Zan Kosir foi o nome da etapa japonesa de Asahikawa. Ele venceu tanto o slalom gigante paralelo como o slalom paralelo, e já conta com 3 vitórias na temporada. Entre as mulheres, a campeã olímpica no slalom paralelo, a austríaca Julia Dujmovits, venceu o slalom gigante paralelo e a suíça Julie Zogg faturou o slalom paralelo.

Em prova de halfpipe nos EUA, a última da temporada, vitórias do chinês Zhang Yiwei e da americana três vezes medalhista olímpica Kelly Clark. Foram só duas provas de halfpipe. Clark venceu as duas e ficou com o título da temporada e Zhang empatou com o americano Taylor Gold.

Um detalhe: ainda não rolou nenhuma prova de snowboard cross na Copa do Mundo! A 1ª de 3 será no próximo fim de semana.

Luge

A última etapa da temporada foi na pista de Sochi. No masculino, dobradinha russa com Semen Pavlichenko e Aleksandr Peretjagin. Alemão Felix Loch (foto) foi 3º. Entre as mulheres, a super Natalie Geisenberger perdeu a etapa para sua compatriota Dajana Eitberger por apenas 0.010.

Nas duplas, Tobias Wendl e Tobias Artl levaram a 5ª etapa da temporada e no revezamento a Alemanha venceu mais uma vez, a 6ª em 6 provas disputadas.

Felix Loch faturou pelo 4º ano seguido o título da Copa do Mundo e a Geisenberger venceu pela 3ª vez. Foi o 17º título seguido de uma alemã no feminino! Nas duplas, Toni Eggert e Sascha Benecken ficaram com o título inédito, deixando os Tobias em 2º. Alemanha segue sem adversários no luge…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s