Mundial de Esqui Alpino – Parte II

Duas belas provas de downhill na semana passada em Vail.

Downhill feminino

Uma bela final onde as que ficaram no pódio foram muito superioras às outras.

Nadia Fanchini (ITA) foi a 1ª a descer e completou a famosa pista Raptor em 1:47.34. A 4ª a descer foi a austríaca Nicole Schmidhofer que fez uma bela prova assumindo a liderança com 1:46.92.

As atletas foram descendo e ninguém chegava no tempo da Schmidhofer, que já havia surpreendido nos treinamentos roubando a vaga da Nicole Hosp no downhill. Só na 16ª atleta que as coisas mudaram! A campeã do Super-G, a austríaca Anna Fenninger, fez uma excelente prova e se tornou líder com 1:45.91.

Campeã mundial em 2011, Elisabeth Görgl fez 1:46.95 e assumiu o 3º lugar, fazendo um pódio momentâneo todo da Áustria. Mas aí veio a suíça Lara Gut. Bronze em Sochi na prova, fez 1:46.23 e assumiu o 2º lugar. Chegando no final do grupo das tops, vinham as favorita Tina Maze e Lindsey Vonn.

Campeã olímpica em Sochi, Maze (que dividiu o ouro com outra suíça na Rússia, após um empate) fez uma descida excepcional e por muito pouco não empatou novamente. Maze fez 1:45,89, apenas 0.02 melhor que a Fenninger.

Para encerrar o grupo das tops, a heroína da casa, Lindsey Vonn. Especialista no downhill, Vonn decepcionou. Fez um boa prova, mas com 1:46.94, amargou um 5º lugar a 1.05 da Maze. Com o ouro confirmado para a eslovena, ela agora soma seu 3º título mundial em 3 provas diferentes!

Downhill masculino

Para quem tinha apenas 2 vitórias em Copas do Mundo, o suíço Patrick Küng fez a prova da vida e conquistou a sua primeira medalha em uma grande competição!

Carlo Janka (SUI) foi o líder no início com 1:43.85, perdendo logo depois pro francês Adrien Theaux, bronze no SuperG, com 1:43.81. O americano Steve Nyman foi o novo líder com 1:43.52. O seguinte foi o Aksel Lund Svindal, que fracassou em Sochi e segue fracassando em Vail. O norueguês fez 1:43.63, atrás do Nyman.

Mas logo depois se formou o pódio. Beat Feuz (SUI) com 1:43.49 virou o líder, para perder alguns momentos depois pro Küng com 1:43.18. O últimos dos tops foi o americano Travis Ganong, que finalmente levou sua medalha em fortes competições, com a prata com 1:43.42.

Kjetil Jansrud foi bronze em Sochi e vez fazendo grande temporada, mas no downhill fez apenas o 15º tempo com 1:44.17.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s