Resumo do fim de semana

Judô

O Brasil teve uma participação excepcional no forte Grand Slam de Tyumen, na Rússia. Foram nada menos que 10 medalhas, sendo 5 ouros. A melhor participação brasileira em um Grand Slam!

No sábado, Sarah Menezes venceu os 48kg feminino com um ippon aos 32s de luta sobre a japonesa Emi Yamagishi e Charles Chibana nos 66kg também fez um ippon em menos de 1min (57s para ser mais exato) também sobre um japonês, Yuhei Rokugo. Foram ainda mais duas pratas no dia, duas derrotas no masculino: Felipe Kitadai (60kg) perdeu para japonês e Marcelo Contini (73kg) perdeu na final para russo. Alex Pombo nos 73kg e Érika Miranda nos 52kg ficaram com bronzes.

No domingo, foram mais 3 ouros! Victor Penalber (81kg – foto) venceu o russo Alan Khubetsov por waza-ari. O medalhista olímpico Rafael Silva (+100kg) venceu o japonês Takeshi Ojitani por 3 shidos a 1 e levou o 4º ouro. Agora, muito bem ver o retorno de Mayra Aguiar aos tatames! Mayra chegou a final onde enfrentaria sua grande rival, a americana campeã olímpica Kayla Harrison. Só que Harrison lesionou o pescoço na semifinal e não disputou a final. Completando o excelente fim de semana brasileiro, Maria Suelen Altheman (+78kg) ficou com o bronze

Atletismo

Fabiana Murer volta a ser destaque no atletismo brasileiro. Na etapa de Glasgow (que entrou no lugar de Londres) da Diamond League, ela venceu mais uma vez, desta vez com 4,65m, mesma marca da grega Katerina Stefanidi e da cubana Yarisley Silva. Só que Fabiana passou na altura de primeira, enquanto a grega na 2ª e a cubana na 3ª. Fabiana ainda tentou o 4,76m, mas não conseguiu.

Com o resultado, Fabiana assume a liderança da Diamond League no salto com vara com 8 pontos (ela também venceu na etapa de NY e foi 6ª em Roma). Silva também tem 8 pontos. Faltam 3 etapas. Lembrando que a Fabiana já venceu a Diamond League em sua primeira edição em 2010.

Também destaque para Wagner Domingos, que na quarta-feira 9, bateu o recorde brasileiro no lançamento de martelo com 73,03m em competição na Eslovênia.

Canoagem

O Brasil dominou por absoluto o Pan de Canoagem Slalom no México, levando ouro nas 5 provas! Foram ainda 2 pratas e 2 bronzes.

Ana Sátila fez a dobradinha, vencendo o C1 e o K1. Marina Costa foi bronze no C1. Ana venceu o C2 por quase 20s de vantagem e de 10s no K1! No C1 masculino, ouro para Felipe da Silva e bronze para Charles Correa. No K1, vitória de Pedro da Silva e prata de Ricardo Taques. E no C2, Anderson Oliveira/Charles Correa ganharam com Cassiano Alfredo/Wellignton Munhoz com a prata.

A competição valeu vagas para a disputa dos Jogos Pan-Americanos Toronto-2015, que terão pela primeira vez a disputa da canoagem slalom. E o Brasil garante um barco em cada prova.

Vôlei de Praia

Em mais um Grand Slam disputado, desta vez em Gstaad, Suíça, as duplas brasileiras não venceram. No masculino, Alison e Bruno perderam na final para os americanos Dalhausser e Rosenthal por 21-17 21-17. Segunda medalha de prata deles nesta temporada.

No feminino, as brasileiras ficaram fora do pódio. Juliana/Maria Elisa estão bem em sua primeira temporada juntas, mas perderam na disputa de bronze 27-25 21-19 para as checas Kolocova/Slukova.

Em 9 competições no ano, as duplas brasileiras levaram apenas 1 ouro.

Triatlo

Na sexta etapa do World Triathlon Series, em Hamburgo, Pamella Oliveira ficou na 23ª posição a 1min29s da campeã, a american Gwen Jorgensen. Jorgensen vence a quarta etapa seguida! No masculino, Reinaldo Colucci ficou em 34º e Diogo Sclebin em 36º. Pela primeira vez na temporada, a vitória não foi para um espanhol! Quem venceu foi o britânico campeão olímpico Alistair Brownlee.

No domingo, foi disputado o Mundial de Revezamentos de Triatlo, mas a equipe brasileira foi mal e ficou em 15º entre 17, a mais de 3min da fortíssima equipe britânica, que levou o ouro. A França ficou com a prata e a Hungria surpreendeu a todos com o bronze, deixando Austrália, Estados Unidos e Alemanha para trás.

Outros Esportes:

–  Brasileiros levaram 6 medalhas em provas na Europa de ciclismo de pista, 2 pratas e 2 bronzes. Na França, Wellyda Rodrigues prata na velocidade por equipe ao lado de lituana, a equipe masculina foi bronze no sprint por equipes e Kácio Fonseca bronze no km contra relógio. Na Irlanda, Fernando Sikora foi bronze no sprint e prata na Keirin e Gabriela Yumi venceu a Keirin e ficou com o ouro.

– A equipe feminina juvenil de handebol até começou bem o Mundial disputado na Croácia, ficando em 3º no grupo. Nas 8as, perderam 29-23 para a França. Nas rodadas de ranqueamento, duas derrotas apertadas 27-26 para a República Checa e 22-20 para a Suécia. Aí, uma vitória de 33-28 sobre Portugal e o 15º lugar geral. O título ficou com a Coreia do Sul com 34-27 na Rússia.

Teliana Pereira ficou com dois vices no forte ITF100,000 em Biarritz, França. Nas simples, perdeu na final 62 64 para Kaia Kanepi (EST) e nas duplas ao lado da espanhola Lourdes Dominguez Lino perderam 62 62 para Florencia Molinero (ARG)/Stephanie Vogt (LIE).

– Na terceira etapa da Copa do Mundo de Remo, apenas uma embarcação brasileira. Steve Hiestand disputou o single skiff, onde venceu a Final E e ficou na 25ª posição.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s