Faltam 100 dias!!

Tá chegando! Os Jogos de Sochi-2014 estão a apenas 100 dias! Segue um guia da cidade sede dos XXII Jogos Olímpicos de Inverno.

A Cidade de Sochi

Situada a beira do mar Negro no Krai (região) de Krasnodar, Sochi é a última cidade antes da Geórgia. Com uma população de aproximadamente 343.000 habitantes, é a maior cidade de veraneio russa.

A região pertencia aos reinos de Lazica e Abkhazia entre os séculos VI e XI. Até o século XIX, pertenceu ao Reino da Geórgia, apesar de ter sido invadida inúmeras vezes. Em 1829, a região foi cedida a Rússia, após a Guerra do Cáucaso. Entretanto, os circássios não aceitaram o domínio russo e seguiram resistindo. A provisão de armas e munição, inlusive, causou um enorme problema diplomático com a Grã-Bretanha.

Em 1917, Sochi recebeu o status de cidade e durante a Guerra Civil Russa viu muitas batalhas entre o Exército Vermelho, o Exército Branco e o exército da Geórgia. No governo de Stalin, Sochi se tornou um centro turístico e recheado de construções neo-clássicas. No verão, as temperaturas ficam por volta de 23ºC e no inverno em torno de 6ºC.

As principais atrações da cidade são o Museu de Arte de Sochi (foto), a Residência de Stalin, a fortaleza de Godlik, o Parque Riviera, o Aquário, entre outros.

As Sedes Olímpicas

Os locais de competição estão divididos em dois clusters: o Parque Olímpico e Krasnaya Polyana.

O Parque Olímpico, construído na costa do Mar Negro, está a apenas 4km da fronteira da Geórgia e contém todos os esportes indoor e o estádio. As sedes ficam numa enorme praça e estão muito perto uma da outra. O hóquei no gelo será disputado no Bolshoi Ice Dome (12.000 assentos) e na Arena Shayba (7.000). Na Arena Adler, a patinação de velocidade. No Palácio Iceberg, a patinação artística e o short track. No Cubo de Gelo, as disputas do curling. Além destes, o Estádio Olímpico Fisht, que receberá as cerimônias de abertura e de encerramento. Este estádio também é uma das sedes da Copa do Mundo de Futebol de 2018.

Krasnaya Polyana fica a uns 40km do Parque Olímpico e receberá todas as provas outdoor. Um grande pólo de turismo de inverno, receberá o biatlo e o cross-country no Complexo Laura, o esqui freestyle, o snowboard e o esqui alpino no complexo Rosa Khutor. No Sliding Center Sanki, o bobsled, o luge e o skeleton e no Centro de Saltos RusSki Gorki, os saltos e o combinado nórdico.

Os Jogos

Como já comentei em vários posts anteriores sobre esportes de inverno, está será a maior edição dos Jogos de Inverno, com 98 provas, um grande aumento em relação às 86 de Vancouver, 84 de Turim e 78 de Salt Lake City. Com a média de 6-7 finais por dia, os jogos de inverno são bem mais tranquilos que os de verão, com mais que o triplo de provas.

As 12 provas novas em relação a Vancouver são: patinação artística por equipe, saltos em esqui individual feminino (foto), revezamento misto do biatlo, half-pipe em esqui masculino e feminino, revezamento do luge, slopestyle em esqui e snowboard masculino e feminino e o slalom paralelo no snowboard masculino e feminino. Tudo para dar um caráter mais radical aos Jogos Olímpicos e atrair a juventude.

Nomes para Ficar de Olho

Após os Mundiais que ocorreram de todos os esportes olímpicos na temporada passada, podemos montar um quadro de medalhas esperado para Sochi, como fiz neste post.

A Noruega é a nação para se observar! Foram nada menos que 17 ouros em Mundiais. Tora Berger (foto) dominou o biatlo com 4 ouros e Marit Bjoergen é a mulher a ser batida no cross-country, levando 4 ouros e 2 pratas no mundial. O resto da forte equipe de biatlo, como Emil Hegle Svendsen, Tarjei Bo e a lenda Ole Einar Bjoerndalen, além de Aksel Lund Svindal (esqui alpino), Petter Northug (cross country) e a forte equipe de saltos também são as grandes chances norueguesas.

Os Estados Unidos contam com 3 ídolos no esqui alpino: Lindsey Vonn, Ted Ligety (foto) e Bode Miller. Vonn se acidentou na primeira prova do Mundial e volta de lesão com tudo. Ligety levou 3 ouros no Mundial e deve repetir a dose em Sochi. Miller decidiu não disputar a última temporada e sua performance é um mistério. Os Estados Unidos também contam com uma forte equipe no esqui freestyle, no snowboard, o super time de hóquei feminino, a lenda Shani Davis, a saltadora Sarah Hendrickson, entre outros.

A Alemanha sempre faz bonito em jogos de inverno e desta vez deve dominar a pista dos trenós. Deve levar 4 ouros e 3 pratas no luge (na foto, Felix Loch), além de pelo menos 2 no bobsled. Também tem boas chances no biatlo e no combinado nórdico.

O Canadá, que dominou os Jogos de Vancouver em casa, é o eterno favorito no hóquei masculino e no curling. Grandes chances nas provas artísticas do snowboard e no esqui freestyle (na foto, Alex Bilodeau). Boas chances também na patinação de velocidade e na patinação artística com Patrick Chan e os campeões olímpicos Tessa Virtue/Scott Moir na dança artística.

A Holanda tem sua forte equipe de patinação de velocidade em pista longe, com grandes nomes como Ireen Wüst (foto), Sven Kramer e Jorrit Bergsma. Já na patinação de velocidade de pista curta, de olho na Coreia do Sul de Sin Da-Woon e na China de Meng Wang.

E os donos da casa não tiveram uma temporada de 2012-13 como eles sonharam, mas as coisas em geral melhoram nos Jogos Olímpicos para o país sede. A Rússia deve ser a grande rival do Canadá no hóquei masculino e tende a fazer bonito na patinação artística, apesar dos resultados medianos no último Mundial. Boas chances no skeleton, cross-country e patinação de velocidade devem trazer bons frutos aos russos.

A temporada de inverno começou de verdade no último fim de semana, com o início da Copa do Mundo de Esqui Alpino. Logo começam as outras Copas do Mundo e assim ficar de olho nestes e em outros nomes. Tá quase chegando!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s